26 de dez de 2002

Pílulas do Natal

Muito embora não tenha visto a Carol e a Roberta na noite de natal - até porque estava na minha terra 'natal': Vicente de Carvalho - , foi divertido como um todo.

Depois de mais de 30 anos meus pais conseguiram passar um natal sem brigar, o que tornou tudo muito melhor.

Todos gostaram dos presentes que comprei, o que é sempre gratificante.

Meu irmão me deu o boneco de pelúcia do Penadinho, que consta como um brinquedo.

No dia 25 fiquei com as meninas e elas tb gostaram dos presentes que comprei.

Todos felizes.

Valeu, Papai Noel!

Valeu, Jesus!

Valeu, Coca Cola!

Valeu, todo mundo! Por um bom natal.

Ano que vem tem mais. Como sempre.

Agora é esperar o ano novo na Spin.

23 de dez de 2002

Eu não gosto de fim de ano

Não é implicância. Eu só não gosto mesmo.

Coisa de adulto recalcado. Fora o brinquedo que eu dei para mim mesmo, ninguém mais me deu brinquedo. Até ganho coisas de adulto bem legais. Carol me deus DVDs muito bons. Mas e os brinquedos?

Natal perdeu o sentido para mim depois que eu fiz uns 12 anos.

Ano novo me incomoda menos.

Incomoda com um todo, pois odeio 'felicidade compulsória' e odeio sentir o tempo passando. Cada fim de ano eu lembro que estou mais velho e vejo o pouco que consegui na vida. Para falar a verdade eu não gosto do período que vai de dezembro de um ano até fevereiro do outro. Também não curto carnaval.

Esse ano estou um pouco menos irritado. Foi um ano bom.

Estou num bom emprego, estável, seguro, de rendimentos razoáveis (até onde podem ser). Sai de casa para morar com a Carol. Roberta apareceu em nossas vidas e tudo ficou melhor.

Foi um ano bom de freelas e aulas, ano que vem promete ainda mais nesse sentido.

Acho que essa foi a retrospectiva até onde eu consigo lembrar.

Ou até onde é importante.

Para o próximo ano pretendo entrar para o kung-fu, que é um sonho de infância.

Para o próximo ano pretendo, no processo, perder um pouco de peso e ser um pouco mais saudável.

Tentar me manter feliz como estou.

Acho que é só.

No mais o que vier veio.

Sou muito conformado, pouco ambicioso.

Não sei bom como funciona ambição.

Preciso ver os meus brinquedos de outros natais para ficar melhor.

22 de dez de 2002

lembrei

A outra coisa genial que a carol disse...
Vcs já repararam que os telefones da Oi começam com 88?
Ou seja, vc fala o nome da empresa duas vezes qd pensa, escreve ou fala o seu número ou liga para alguém com esse tipo de celular...
OIto OIto tal tal...
Branding pouco é bobagem...

20 de dez de 2002

minha namorada é gênio

"Se qd duas pessoas falam algo juntas elas tem que tocar algo verde, qd duas pessoas tocam algo verde elas devem falar algo juntas?"

Carol que falou : )

ela teve mais uma sacada genial ontem, mas como eu sou lento acabei esquecendo...

Qd eu lembrar eu ponho aqui...


18 de dez de 2002

adulto

Pq os dois filmes de super herói que eu mais queria ver e fiquei mais animado qd soube das filmagens, se tornaram bombas irreversíveis no decorrer das filmagens?
Demolidor vai ser um lixo completo. Tipo, pode até ser bom, mas toda vez que eu lembrar do MErcenário com aquela cicatriz ridícula na testa vou ficar puto e achar o filme ruim...
Liga extraordinária então... Os atores não aguentam o diretor, o figurino está ridículo, feriram muito a história, enfim, caminho sem volta para o fracasso...

Esse é o tal do mundo injusto dos adultos?
Vc é criança e então cresce para ver seus heróis serem mal montados no cinema?
Meu Deus, ser adulto é pior do que eu imaginei...

só para constar

Eu já comentei aqui que há algum tempo atrás eu vi aquele filme "a máquina do tempo"?
Eu não lembro tb, procurei nos arquivos e nada achei...
Tem muito para falar não...

Eu gostei do filme. Ignorando o fato de que é baseado no Wells...
Tipo, tem Wells ali, mas com uma roupagem moderna, o futuro como nós acreditamso no futuro hoje em dia...
Acreditem em mim isso influencia muuuuuuuuuuito na estrutura narrativa da história...
Lembro que o Paulo atentou para um detalhe nesse filme, sobre o blasé do personagem, um homem do século XIX, ao se ver zilhões de ano no futuro, onde nada mais há do paradigma dele. Verdade, o filme é assim... Por um acaso o livro tb...
Acho fácil explicar isso...
Se vc não faz um personagem blasé não tem como contar essa história...
Se não o cara enlouquecia na primeira viagem e pronto, fade out, the end...

Gostei do filme...
Ah... Quem se importa, eu gosto de tanto lixo mesmo...

16 de dez de 2002

eu tenho medo do harry potter

Ele é mau...
Tipo assim, vi a câmera secreta logo na estréia....
O filme é igual o primeiro, mesmo nível, mesma estrutura narrativa, não sei pq estão falando que é melhor...

E ele é mau...

Não, sem essas merdas de fundamentalista americado. Eu to cagando se ele tem o símbolo do Marilyn Manson na testa ou se eles são magos. Magia é legal, o Despertar dos Magos do Jaques Berguier é um dos meus livros de cabeceira... Qd eu digo que ele é mal é pq ele é inerentemente mal.
Harry potter não cuida dos seus amigos. Harry Potter não se preocupa com ninguém a não se consigo mesmo...
Ele usa o Ruivo burro e a Hermione (minhas apostas de que essa Emma não sei das quantas vai ser muito gata daqui a uns 3 ou 4 anos e eu acertei qd falei isso da Christina Ricci) para resolver tudo e caga e anda quando eles se fodem, simplesmente ele tem coisa melhor para fazer.
Harry Potter não defende os trouxas, ele REALMENTE acredita que é melhor do que alguém só pq saca das magias. Aliás, saca muito mal das magias, faz porra nenhuma quase. Harry Potter é nazista, sectário, ele não é melhor do que o loiro pentelho que só sabe fazer cara de mal. Aliás, ele é pior. Pelo menos o loiro pentelho diz "Ei você! Eu sou mal!", enquanto o Harry Potter diz "Me ame" e te deixa para o Basilisco (que originalmente é mais como um galo, de on de a JK Minharowling tirou essa história de serpente não me pergunte).

Quer outra prova de que ele é mau?

Eu não gosto do Harry Potter.
Carol é indiferente ao Harry Potter.
Ainda assim lá em casa tem o DVD do primeiro filme e uma edição do primeiro livro...
Como foram parar lá?

Ainda assim o filme diverte, bem contado, bem montado...
Se vc gostou do primeiro vai gostar desse tb...

Droga...
Fui dominado...
mais coisas invisíveis

Recomendo a peça pessoas invisíveis, corte e colagem de boas histórias do Will Eisner (O edifício e Spirit).
O grupo armazem fez um montagem divertida que me pareceu correta.
Digo pareceu pq eu não gosto de teatro e por tal nada entendo disso...
Mas não fiquei entediado em duas horas de peça...
Milagre.
Por isso recomendo...
Fundição progresso aos finais de semana...

Se um dia eu tiver dinheiro vou até lá comprar a blusa do espetáculo, é linda...

Ah! Se vc for preste a atenção nos desenho em exposição. São dos meus futuros alunos do curso de quadrinhos da Estácio de Sá...
Coisinhas mais fofas do pai...

Mudando vagamente de assunto, algo está no ar...
O Neil Gaiman escreve Never Where há alguns anos...
Invibles do Grant Morrison bem antes...
Agora pessoas invisíveis do Eisner mostradas...

Há alguns anos eu montei uma ambientação de RPG com isso... Ignodos seria o nome...
Essas coisas dão até vontade de retomar o projetin...

No livro errado

Com frio, fome e sem dinheiro. Parece que sou personagem de Dr. Jivago.

6 de dez de 2002

Dúvidas

Quando acordamos de manhã entramos em acordo com o que afinal?
under age punk

Eu tinha uns 4 ou 5 anos...
Cena comercial de margarina...
Papai brincando com os filhinhos, num tranquilo sábado a tarde...

Papai pergunta ao seu primogênito, meu irmão Raphael:
- O que vc vai ser qd crescer Raphael?

Meu irmão (com uns 6 ou 7 anos):
- Não faço a mínima idéia.

Raphael é assim, nunca mudou a expressão dele na vida, sempre com o olho a meio palmo e cínico...

Então papai pergunta para o seu, até então, caçula:
- E você Rominho? O que vc vai ser qd crescer?

Eu, na lata:
- Eu queio xer Pank.

Não é piada, perguntem ao meu pai, ele vai confirmar...
Ele perdeu tempo tentando me explicar que punk não era profissão, era um modo de vida (meu pai sempre foi muito bom em suas imparcialidades, de uns anos para ca deu para ser mais reacionário, mas pelo menos na época de criar a psiquê d'eu e do Raphael ele foi bem moderador)

Explico: na época passava no fantástico documentários sobre os punks ingleses, seus cabelos moicanos coloridos e suas roupas de couro e jeans destroyer. eu ficava absolutamente fascinado...

Bem pai... Não virei Punk, pelo menos não exatamente, sou algo como um Anarchoindustrogothtretropunk... Seja lá o que isso for...

5 de dez de 2002

em defesa do Uesley e do Valter



Pessoal só falta me bater qd eu elogio algo feito pelo Uesley Esnaipes, então vamos esclarecer algumas coisas.
Eu acho o cara bacana, o nível de canastrisse dele é algo a ser considerado num museu de cera e ainda assim o cara se envolve em projetos legais, sabe pq? Ele tem carisma, só isso, de outra forma como vc explica um cara feio desse fazer certo sucesso? Carisma é tudo brother e isso o cara tem.

Fiz minha resenha ao Blade II. Sobre Blade I meu comentário é outro: duro de aturar são os efeitos especiais feitos no quintal lá de casa (moro em apartamento), ainda assim o filme funciona como blockbuster perfeitamente, formuleta bem arranjada e pronto, ganha-se um trocado. O que sustenta blade? O Carisma do Uesley.
Vou citar mais um filme que eu acho bem interessante, mas qd digo isso querem me dar porrada: O Demolidor (Demolition Man, não confundam plz). Nesse filme ele contracena com o maromba terceira idade do Stalone e com a Sandra Bullock. Vamos as considerações: O filme é referêncial a 1984 e Adimimirável mundo novo, só que trajado como filme de ação, aliás, ação de primeira qualidade. A Sandra Bullock manda bem no papel de bobinha com umas caras e bocas ótimas (a personagem dela, Ten. Huxley, tb é uma referência, pescou?). No filme temos um Uesley insano e mal vestido, uma das minhas seções da tarde favoritas.

A impressão que eu tenho é que as pessoas querem ver *O* filme o tempo todo, nada pode ser apenas um objeto simples de entretenimento, uma seção da tarde. Os filmes citados são simples e bobos, mas me divertem horrores...

Ai ontem a noite fui ver o novo e obscuro filme com o Snipes, O Imbatível (Undisputed). Foi do nada, passei em frente ao cinema, vi o cartaz e achei bizarro o fato d´eu não fazer nem idéia de que filme era aquele, afinal, meu nicho de entendimento cinematográfico é ação e fantasia sem sentido.
Pois bem, no cartaz tinha: do diretor de 48 horas. Porra, filmão (nick nolte e Eddie Murph na sua boa época). Paguei para ver, no escuro.

O filme é bom pacas. Não vai mudar a vida de ninguém, mas é correto e diverte.
Mas pq aparentemente ninguém acredita em mim?
"Filme de prisão e Box? Com Uesley Esnaipes? Fala sério, não PODE ser bom"

Pois é, é!

Agora minha defesa ao Walter Hill, escritor e diretor do filme.

O cara escreveu e/ou roterizou os 3 ALIENS!!!!
Engula essa Roberta...

O cara escreveu e dirigiu RUAS DE FOGO!!!
Engula essa Carol...

O cara escreveu e dirigiu WARRIORS!!!!
Engula essa Romulo... Ei! Eu curti o filme!!!

Pois é, o cara é especialista em dirigir filmes com gangues e conflitos, o cara manda bem sim...

O filme em si?
Funciona para bem para caralho. Bem dirigido, bem editado e bem escrito...
O videografismo do filme é muito bom, simples (low budget total), clean e estiloso.
Os personagens do filme todo são bem moldados, nada de multidimensionalidades, são simples, diretos e corretos, como um bom filme da seção da tarde deve ser.
A história é simples e levemente maniqueísta (melhor do que ser totalmente maniqueista) super bem cuidada e contada.
Atenção para os personagens envolvidos com a Le Emme, a máfia mexicana, uma das minhas preferidas.
Os personagens são a melhor parte (eu já falei isso?).
Pra quem curte filme de Box essa obra é um prato cheio, lutas realista, bem ambientadas e ainda rolam umas aulinhas básicas sobre box no filme...

Eu realmente recomendo...

Sabe o que me emputesse? O filme da de 1000 no insosso Ali com o Will Smith e no Hurricane do Denzel, mas ninguém nunca vai ficar nem sabendo. Pq? Pq para todo o mundo o Uesley é só mais um cara grande e forte que da porrada, logo um filme com ele não pode ser legal, foda-se quem dirige e quem produz, se tem Uesley é lixo...

Mal posso esperar pelo próximo filme do Wlater Hill, seja lá qual for...

3 de dez de 2002

Piadinha

Conversando com o Daniel (o antiquário Harley Davidson) sobre a Roberta Close e operações de troca de sexo, ele manda:

"A menina chega em casa.
- Oi mamãe, tudo bem?
A mãe responde sem desconcentrar das roupas que passava:
- Tudo minha filha e você?
- 'Tô bem mamãe - Fala a menina enquanto puxa uma cadeira para sentar.
- Alguma novidade? - Diz a mãe se virando e tentando puxar assunto.
- Tem sim, a senhora quer me ver de pau duro?
pura semântica

Qd criança falei algo que acho não ter perdido a lógica até hoje:
Pq chamamos os cachorros de rua de vira-latas se há tempos eles já não viram mais lata nenhuma?
Atualmente eles seriam algo como rasga-sacos, em analogia aos sacos de lixo que eles rasgam na rua atrás de alimento...
Pra mim faz sentido...

1 de dez de 2002

calma bahiana! eu explico!



Então me fala Ueslei, quem é culpado?
Porra, caralho, putaqueopariu... Não me venham com esse papo de "Ah! O que vc esperava"! Blade é um filme de ação marcial, com clima punk gótico e tal, o fato de ser bananada não significa que tenha que ter imbecilidades como:

A PORRA DA LUZ FAZENDO CURVA!!!!!!!!

Pode voar, pode ter poderes como for, eu aturo tranquilo essas rocambolices em filme de ação, alguém que cresceu lendo gibis e jogando RPG tem a cabeça boa para compreender isso... Mas física é física, se não fosse a luz fazendo curva (coisa que só acontece um passo após o horizonte de eventos de um buraco negro (NEEEEEEEERD!)) eu teria achado esse filme realmente do grande caralho...
Do grande caralho pq tiveram um orçamento significativamente maior do que o do primeiro, logo os movimentos estão melhores, as ações estão melhores, as lutas estão foda e os personagens idem (tio Tim Bradstreet no character design é algo). Blade 2 tem as melhores lutas com cenas intercaladas de CG com live action que eu já vi, a luta final é de cair o queixo. Além disso o filme ta minimamente bem escrito, existe até algo que podemos chamar de trama, existe até algo que podemos chamar de reviravolta e por ai vai... Isso vindo de um blockbuster de artes marciais me sensibiliza. Ainda assim, o veinho que acompanha o Blade ser curado de vampirismo 2 anos após o abraço (ta, to roubando terminologia de vampire, who cares?) foi duro de engolir, mas não tão duro qt a LUZ FAZENDO CURVA! AAAAAAAHHHHHHHHHHHHH...

O tal Del Toro que dirigiu isso é quem vai dirigir Hellboy... Quero só ver...


Como há muito tempo

Há anos eu reclamo que não consigo sair para dançar direito. Quando o som está bom, está calor; quando não está calor, a carol está emburrada; quando carol não está emburrada, eu estou sem dinheiro; quando eu estou com dinheiro, não tem nada de bom. Ah! vocês entenderam, porra! Conspiração cósmica, that is it.

Pois bem, na sexta fomos a ex-heathouse, agora Notsoheathouse (botaram um arzinho razoável lá), para a já antiga Oooooops. O tal do Maurício Lopes não estava de bom humor quando chegamos, só tocava coisa ruim de dançar. Só ficou interessante lá pelas três da manhã, quando começou um set de dark eletro (a última tendência na europa, nossa) que estava bom de dançar. Dançar pulando como eu gosto. Não foi nada de mais, mas perto do que tem sido, valeu.

Uma das boas da noite foi ficar de nerdice com o Gordiho (ele está me deixando realmente curioso para jogar o card game de Star Wars), falando sobre o D20 Modern e a versão estendida de Senhor dos Anéis.

A frase da noite foi do Danilard, bilheteiro da Notsoheathouse e designer nas horas vagas. Quando assediado por uma qualquer que queria desconto na entrada, respondeu:

- No natal passado, Papai Noel não me deu a Barbie que eu queria, desde então meu coração é de pedra.

Adoro meus amigos.

29 de nov de 2002

a melhor continuação que hellraiser jamais teve



Eu sei que é uma opinião tendenciosa, mas Mulholland Drive do David Lynch se passa no universo criado por Clive Barker.
Como grande parte dos filmes do tio Lynch esse não é contado de forma linear...
Minhas considerações sobre a narrativa são:
A primeira parte do filme mostra a existência do guardião da caixa, aquele mendingo que esta escondido no beco, cujo a visão pode matar um homem. Para quem não lembra aparece um guardião da caixa no primeiro Hellraiser, é aquele mendigo que vira demônio no final e sai voando com a caixa. Na mitologia do Clive Barker eles existem para manter as caixas livres, para que ninguém as aprisione.
Então começa o desejo, ou ainda, o sonho bom. Onde a loira é feliz e tem o amor de sua vida (a morena) nas mãos, como pobre vítima do destino, ai todos que fizeram mal a ela em vida se fodem, o diretor é corno e por ai vai.
No final do sonho bom ela é tragada pela caixa e levada para o inferno. Já no inferno ela é obrigada a lembrar a vida de merda que tinha (que é a parte do sonho ruim), onde ela se fodia na mão da namorada morena malvada e tal, onde o diretor é bam bam bam e se da bem nas paradas. Ai mostra o momento da compra da caixa (ou vcs acham que o cara ta sendo pago para matar alguém? Ta nada, ela ta é comprando a configuração de lamentos, que está com o guardião da caixa logo atrás do Dinner). No fim do pesadelo, ainda no inferno das memórias ela é levada para o sofrimento eterno pelos cenobitas, aquele casal de velhos que a atacam levando-a ao suicídio e que no início do filme (sonho bom) são gentis com ela (anjo para alguns demônios para outros)... E dai que os cenobitas não são estilosos nesse filme? O que vale é a trama, os elementos e o horror, Ah! O horror...
Espero não ter dado spoilers para ninguém... Mas não tem como falar desse filme sem dar spoiler, até pq spoiler desse filme não faz a menor diferença...

Qualquer dúvida sobre a minha interpretação coloquem nos comentários, já conversei um bom tempo sobre esse filme com outros geeks e consegui localizar tudo dentro do universo de Hellraiser... Geek é foda...



fora a ótima ilustração da standard-design reparem nas bandas aprensentadas na revista


27 de nov de 2002



Finalmente um pixel art decente de mim mesmo.
Só que eu estou um pouquinho mais fora de forma do que isso.
Ah, e uso óculos...
Num foi fácil de fazer não, tive que misturar peças dos dois programas de montagem de menininhos.


26 de nov de 2002

idéia(?)

No sul viviam muitas tribos. Essas tribos com o passar das eras aprenderam a dominar as criaturas Ciclópticas que lá viviam e, através de seu shamanismo, viviam em simbiose com elas. Essas diversas tribos tinham costumes e mitos relativamente similares, mas o que as unia mesmo era a capacidade única de viver em grandes comunidades dentro das criaturas imensas que por lá viviam. Eles as hipnotizava com cânticos e as mantinham num estado de catatonia, quase um coma, então passavam a parasitar seus corpos gigantes, onde tinham proteção. Grupos de shamans cantores se revesavam para sempre cantaar dentro dos ouvidos das criaturas, de forma que elas nunca despertavam. Através de uma série de ungentos e outras poções, feitas a partir das plantas nativas, os habitantes do monstro cessavam os movimentos involuntários do estômago da criatura, podendo assim habitar em seu interior. Óbvio que entre os diversos costumes desse povo estavam aqueles que mantinam a nutrição de sua "casa", de forma que o monstro nunca perecia.
Um dia o Tirano que levou a sombra do mal para todo o mundo apareceu. Temendo que as tribos do sul usassem seus imensos animais para impedí-lo o Tirano preparou um grande feitiço, que acabou com toda a magia Shaman. Assim, toda a nação indígena do sul foi digerida por suas cidades, numa morte tristemente horrível.

Até hoje os poucos sobreviventes deste gastrogenocídio têm o costume de esfregar uma parte de sua comida pelas paredes da casa, num gesto único de manter as suas tradições.
lá vem o palhaço

meu pai uma vez, em um dos seus inúmeros surto reacionários, me disse:
"filho, faça com que riam PARA você e não DE você"

Muito embora o entendimento da frase seja total para mim eu sempre questionei até onde eu queria que fosse assim.
Não adianta, gosto de bom humor, gosto de pessoas rindo, gosto de pessoas felizes, se for de alguma palhaçada minha quão melhor.
Sou showman para caralho, Aparício Varela que toda vida, nada me deixa mais feliz do que, numa roda de amigos usar o meu dom único não possuir amor próprio e ver as pessoas rindo de mim, do que eu falo, das minhas histórias ridículas e do meu jeito torto de falar. Queria ser palhaço, aqueles de circo mesmo sabe? Cara pintada, canastrão, calças que caêm e por ai vai...
Por essas e outras que gosto tanto de dar aula, ter platéia.

Quem aqui como eu não tem medo de passar ridículo?

Nunca consegui concluir se eu sou realmente um cara engraçado ou não. Carol e Roberta riem bastante comigo. Entre meus amigos de infância é pário duro, estamos sempre rindo muito um do outro o tempo todo. Entre todas as outras amizades e coleguismos que me cercam sempre sou lembrado por ser no mínimo peculiar. Posso até não ser engraçado, mas o esforço para sê-lo é lembrado.

Então papai, com todo o respeito que eu tenho por vc e todo o respeito que eu não tenho por mim: que me taquem a torta.

T15

Vou ganhar um prêmio pela minha descoberta...

Começa assim: Romulo, um pesquisador de neuropsicoeconobiofísica, após horas de bate-boca com sua esposa tem um surto brilhante e descobre a T15.
Funciona assim: As mulheres tem uma desculpa perfeita para tudo: a TPM. Algumas têm, outras não, umas têm forte, outras têm fraca e por ai vai. De fato, ficar com os hormônios purulando pelo corpo não deve ser nada fácil, não duvido em momento algum que seja um sofrimento ser mulher nessas horas, por essas e outras Vcs mulheres tem todo o meu apoio. Massssssss, o que fica difícil um homem entender é pq qualquer vacilo da mulher ganha a etiqueta TPM, parece uma vávula de escape, um porto seguro, na TPM vale tudo. Na itália TPM atenua penas por homicídio.
Qd um homem vacila ele vacila e pronto, que se foda, sofra, pague o pato e pronto. Era assim até hoje...

Minhas pesquisas na área da neuropsicoeconobiofísica mostram que o homem tb sofre um distúrbio periódico, só que não de natureza hormonal, mas de natureza fisioquímica, a T15.
A T15 costuma atacar o homem aproximadamente 15 dias após o recebimento do seu salário, no momento em que seu dinheiro já foi todo embora e nem a porra de um palito de fósforo ele comprou para si, com isso o corpo começa a produzir a soumerdina uma enzima que tem por propriedade fazer o homem se sentir um perdedor completo. Os sintômas são: depressão, dor de cabeça, perda de sono, inquietação, mal humor e choro, qualquer pergunta feita à um homem em T15 costuma ser respondida com frases lacônicas ou simplesmente murmurios. Um homem em T15 pode facilmente falar o que não deve e perder as estribeiras por qualquer merda, afinal esse é o ponto do mês onde ele percebe o merda que ele é. Os estudos mostram que o prazo de 15 dias é médio, há homens que têm a T15 em 5, 10, 20 dias, varia, mas uma vez ao menos por mês ele sofrerá desse mal. Mesmo os desempregados têm T15, pois no início de um novo mês as chances se renovam e há esperança, mas lá pelo dia 15, qd ele ainda não arrumou porra nenhuma vem a indefectível sensação de que se é um lixo. A T15 começa a afligir o homem no fim da sua adolescência início da sua fase adulta e nunca mais para.

Concluída a minha pesquisa estou aguardando ansiosamente meu prêmio (Ig)Nobel.
Autodiagnose é tuuuuuuuuudo.

22 de nov de 2002

O anjo caido

Sim, o Botafogo caiu. Tal qual lúcifer expulso do céu da primeira divisão para o inferno da segundona. Por essas e outras que o Fogão será eternamente o clube mais gótico do mundo. Afinal, vc já viu gótico main stream? Não seu merda, o manson não é gótico. A estrela cai e com isso ganha mais brilho...

Quer outra para saber que o Fogão é gótico mesmo?
O primeiro nome do Clube era Eletro Clube.
Eu fico imaginando a elite carioca do início do século se chapando e ópio e dançando VNV Nation.

Da-lhe fogão!



lembranças de Seu Tião parte 01 (não, eu não sei se vai ter continuação)

de Rafael do Meyer:
"A única lembrança que tenho do Seu Tião foi um pescotapa que ele me deu, me sacaneando porque pedi licença para entrar na casa dele... "

são por essas e outras que Seu Tião era gente fina.




isso está ai para eu me lembrar de que vai rolar, mas serve de convite a vocês tb.

21 de nov de 2002

Bolinhos de Bebês
Neil Gaiman

Alguns anos atrás, todos os animais foram embora.
Acordamos uma manhã e eles simplesmente não estavam mais lá.
Nem mesmo nos deixaram um bilhete ou disseram adeus.
Nunca conseguimos saber ao certo para onde foram.
Sentimos sua falta.
Alguns de nós pensaram que o mundo tinha se acabado, mas não tinha.
Só que não havia mais animais.
Não havia gatos ou coelhos, cachorros ou baleias, não havia peixes nos mares, nem pássaros nos céus.
Estávamos sós.
Não sabíamos o que fazer.
Vagueamos por aí, perdidos por um tempo, e então alguém observou que, só porque não tínhamos mais animais, não havia motivo para mudar nossas vidas.
Não havia razão para mudar nossa dieta ou parar de testar produtos que podem nos fazer mal.
Afinal de contas, ainda havia os bebês.
Bebês não falam. Mal podem se mexer.
O bebê não é uma criatura racional, pensante.
Fizemos bebês.
E os usamos.
Alguns deles, comemos. Carne de bebê é tenra e suculenta.
Esfolamos suas peles e nos enfeitamos com elas.
Couro de bebê é macio e confortável.
Alguns deles, usamos em testes.
Mantínhamos seus olhos abertos com fitas adesivas e pingávamos detergentes e shampoos neles, urna gota de cada vez.
Nós os marcamos e os escaldamos. Nós os queimamos.
Nós os prendemos com braçadeiras e plantamos eletrodos em seus cérebros.
Enxertamos, congelamos e irradiamos.
Os bebês respiravam nossa fumaça e, na veias dos bebês, fluíam nossos remédios e drogas, até eles pararem de respirar ou até o sangue deles não correr mais.
Era duro, é claro, mas necessário.
Ninguém podia negar isso.
Com a partida dos animais, o que mais podíamos fazer?
Algumas pessoas reclamaram, claro. Mas elas sempre fazem isso.
E tudo voltou ao normal.
Só que...
Ontem, todos os bebês se foram.
Não sabemos para onde. Nem mesmo os vimos partir.
Não sabemos o que vamos fazer sem eles.
Mas pensaremos em algo. Humanos são espertos. É o que nos faz superiores aos animais e aos bebês.
Vamos bolar alguma coisa.



19 de nov de 2002

O Istari voltou para Valinor

Faleceu, no sábado passado, Seu Tião.
Seu tião é pai do Seblen e do Guiderlan, amigos de infância.
Passei minha adolescência na casa deles jogando RPG.
Comi muito hamburguer do Seu Tião qd ele tinha uma birosca.
Seu Tião soltava raio pelos olhos.
Seu Tião conhecia o Brasil como a palma da mão.
Seu Tião era um oleiro com certeza.
Seu Tião era grosso.
Seu Tião era um estúpido.
Seu Tião era maneiro para caralho.
Filei muito cigarro (sempre os da pior procedência) dele.
Seu Tião deixa o plano físico para se juntar aos outros do panteão deixando uma única mensagem: "vê se num vai misturá bebida!"
Seu Tião me inspirou a fazer (e eu nunca consegui fazer) o Tijolo, um fanzine.

Vai na fé seu tião, vai com Deus.
Sempre haverá um pouco de Tião em nós.




não é um fansign, mas eu vou considerar como um. Valeu mano Elton!
Aliás não sei pq o Elton não tem blog, ia ser referência de links para animação com certeza.


rapidinhas e nem tanto

Do nicholas: "Qt mais opressora é a sociedade mais o homem tem vontade de dar o cu."
sabedoria do mundo gay é qualquer coisa.

De um papo com o Gabrig e a Thais (tava devendo essa): "Para as pessoas normais relacionamentos são como isqueiros, vem, vão, se perde, se compra, se roupa, se pede emprestado, anda-se com dois e por ai vai, periférico, quase necessário. Para o nerd, relacionamentos são como cigarros, geram dependências, relaxam no stress, necessários depois que se começa".

Eu quero, preciso, de um cthulhu de pelúcia. Melhor ainda quando é uma fotonovela. Por essas e outras que eu gosto da RioGoth.

Não tão bem, nem tão mal, apenas indo...
Uma coisa eu aprendi para sempre: "nada significa porra nenhuma".

Esse post pode mudar com o tempo.


Ah é! eu tenho um blog...

8 de nov de 2002

uma coisa boa

Eu e carol fizemos 6 anos de namoro no último dia 4.
Eu amo essa menina.

outra coisa boa

comprei o DVD de labirinto. Paguei caro, mas acaba a guerra. Eu não podia passar sem o filme da minha vida.

uma coisa ruim

Voltei ao me estado normal de 'eu nunca vou conseguir nada na vida'. wheeeeeeeeeeee

3 de nov de 2002

eu odeio aquele lugar

Acabei indo a Loud ontem. Jesus como eu odeio aquele lugar. A estrutura me irrita, a qualidade do som me irrita, a pretensa hypação de lá me irrita. Pq eu fui? Pq tinha show do skylab, sempre vale a pena. Ele ta com um som bem legal, tudo muito parecido (mas ainda não consegui identificar se era por causa do som pasteurizador da loud (que transforma tudo em ruido) e ou se a variação musical dele ta mesmo pouca) mas skylab se comprar pelas letras, performances e vocais. Ainda assim, creio que um dia a loud vai pegar fogo e vai morrer um monte de gente lá. Aquelas escadas estreitas, não ter saida de emergência, um prédio antigo, com certeza mais equipamentos do que a estrutura elétrica da casa pode suportar, aquele tovo todo bebado com latas cerveja na mão para lá e para cá... Isso não pode dar certo.

Emfim, vou lá uma vez na vida e outra na morte, tomara que a 'morte' não seja realmente lá...

31 de out de 2002

reino de fogo



Ontem fui ver Reino de Fogo. Curiosamente acabei vendo o filme duas vezes. É tão bom assim? Nope, é que qd eu tava saindo da seXão (eu nunca ser se essa é a seção com 'ç' ou se essa é a de 'ss') encontrei um bando de amigos e acabei indo ver com eles de novo.

Da segunda vez foi mais divertido pq eu vi o filme como ele deve ser visto, com os amigos, sentado no fundo do cinema (coisa que odeio) e fazendo a 'ôla' toda vez que algum dragão cospia fogo.

O filme não é ruim, só foi vendido errado. Nos posters e na edição do trailer parecia uma coisa mais campal. Vários Dragões combatendo várias pessoas, helicópteros e caças. Mas não, a coisa é muito mais low profile mano a mano. A história ta escrita 'corretamente', mas não é convincente não... Mas quem se importa com isso.
Maneiro é como a galera caça os dragões, mistura de 'quem é mais macho' com X-games.

ai vem spoiler:
Pula um cara de helicóptero, qd o dragão começa a segui-lo mais dois pula atrás para tentar pegar o dragão numa rede. Só qd o dragão está preso eles abrem os paraquedas. Isso é radical ou o que? A cena ficou muito boa tb...
:aqui acaba o spoiler

Os dragões tão bem feitos para caralho, mas me incmoda muito aquele fogo saindo de 'glândulas' ao invés da garganta. Pra que explicar racionalmente o a fisiologia draconiana? Isso que eu fico puto, eles se pegam em detalhesinhos antifantásticos para umas coisas e pra outros 'deixa como ta que ta bom'. Fica parecendo que foi escrito sem carinho saca? Ainda assim, a computação gráfica do filme é excelente.

O que mata um pouco é que a proporção dos dragões entre si e para com os humanos muda o filme todo, não há uma escala definida.

E é claro, tem o Van Zan, o cara que pega dragões com machado, meu herói.
Foda é engolir que neguinho mata dradão com arpão mas os exércitos do mundo todo, com armas nucleares e alta tecnologia de guerra não conseguiram dar conta dos bichos, entrando assim numa era pós apocalíptica.

A grande estrela do filme realmente são nossos amigos dragões e só.
No final das contas concluímos que o Roberto Arqueiro tinha é que ter continuado a fazer 'parker lewis nunca perde' que foi a melhor coisa que ele fez na vida...

em tempo:
A coisa que eu mais odeio no mundo (sim, eu odeio algo seriamente) são fones de ouvido que são piripaques e ficam só com um lado funcionando. Acabei de pagar 20 contos num fone phillips poderoso que já mostrou que VAI dar defeito mais cedo ou mais tarde. Isso realmente me tira do sério.

Sim, isso ai em baixo é REALMENTE um vibrador da hello Kitty, não é uma caneta grossa que o romulo usou para fazer piada. Cliquem no link, vejam o texto, é um vibrador de VERDADE!

29 de out de 2002

rapidinhas

Vcs já viram Vampire Princess myu, série para TV? Não? Continuem assim, é ridículo. Versão gotiquinha-casinha-de-bonecas de Sailor Moon.

Vcs já viram 13 fantásmas? Não? É o melhor roteiro para videogame que eu já vi. Para um lance tipo Resident Evil ou tomb Raider. Pega Itens, resolve mistérios, cai em armadílhas... Pena que é um filme.

Vcs já viram todos os cães merecem o céu? Não? Pois vejam. Dom Bluth sabe fazer animação com cara de Disney e roteiro revolucionário, sindicalista, pró minorias, político. Genial. Pena que o segundo é muuuuuuuuuito ruim.

Vcs já viram o desenho animado do Jack Chan? Não? Pois vejam, se vcs gostam de Jack Chan é claro. É bem pra TV mesmo, história rápida. A graça é que é o Jack Chan mesmo. Com direito a todas as peripécias dos filmes e outras mais.

Vcs já perceberam que eu ando pegado? Não? pois é, ando, esses quatro comentários seriam posts decentes em caso contrário.

Ta tudo indo bem comigo. Minha vida afetiva está um mar de rosas, meu trabalho oficial ta indo super bem, ta entrando bastante freela legal, com ótimos custos benefícios e tenho um presidente Social Democrata (valeu Lula!!!). Ta tudo indo tão bem que tenho até medo de dar merda...

Óbvio que eu ainda estou devendo o tal texto sobre "Rosencrantz and Guildenstern are Dead" para a Robs... só isso ta me tirando o sono...

Não revisei não viste?

23 de out de 2002

michael moore


Faz tempo eu queria postar isso aqui.
Tem o Michael Moore, o cara é foda, um dos meus ídolos. Ele dirigiu três filmes, sendo que o último 'atirando em columbine' passou na mostra rio. Fora os filmes o cara ainda escreve livros (tipo o stupid white man) e faz um programa para tv (que passa em horários escrotos na A&E mundo da Direct TV) chamado the Awful Truth. Qual o conteúdo disso tudo? Simples, tal qual o Osama ele quer destruir a civilização ocidental, mas não com bombas mas sim expondo toda a podreira do american way of life, sua política e corrupção. A grande graça é que, ao invés de discurso vazio ele faz mão de um cinismo impecável, criando situações constrangedoras para políticos e empresários. Na boa, o cara é louco.

No site dele tem uma série de informações sobre ele, tal como sinopse dos programas de TV, resenhas dos livros e filmes e por ai vai. O site trás tb as 'direct actions' dele, que são mais como vigílhas para denunciar podreiras e impunidades. Genial, genial...

A onda atual dele é malhar a mania belicista dos americanos, até por conta do 'atirando em columbine'. Com um sniper atacando na capital veio prato cheio para desmantelar a política armamentista do Bush.
Como baba ovo que sou dele, assino sua mailing list, hj chegou a resenha dele sobre o sniper. Vc pode lê-la na integar aqui, mas eu separei a melhor frase para vcs:

Now Bush the Sniper has a new message to the Iraqi people: "Your children are not safe, anywhere at anytime."

Genial, genial...

Outra boa dele sobre armas é Pete o revolver amigo, com direito a invasão do boneco ao congresso.

Deixa eu ir lá que eu to criando uma mitologia para justificar a existência do texto "Rosencrantz and Guildenstern are Dead", para ajudar a Robs num trabalho.

22 de out de 2002

eu não sei andar de bicicleta

Triste, mas é verdade...
Domingo as meninas foram andar de bicicleta no aterro e eu empacando tudo. Mil coisas voltaram a minha mente, desde a rejeição infantil por nunca ter sabido andar de bicleta até todas as rejeições da maturidade por não saber dirigir, não ter carro e essas coisas. Algumas rejeições são de minha própria criação, outras nem tanto... Preciso de um analista...
Preciso não. Preciso é comprar uma bicicleta, me trancar na garagem lá de casa e só sair qd virar piloto de camelo.

Somatizei isso num tipo de sétimo selo. Qd eu aprender a andar de bicicleta minha vida vai deslanchar. Vou tomar coragem para dirigir (sim, eu não dirijo pq tenho MEDO de dirigir, não suporto velocidade, não cresci acostumado a ela por nunca ter andado de bicicleta), vou aprender a trabalhar com animação decentemente, aprender a desenhar feito gente, aprender algum instrumento musical (percursão é um tesão) e por último terminar minha alfabetização para escrever direito.

Tudo isso depende d´eu aprender a andar de bicicleta.

Tosqueira! Expo-cu é sacanagem!

17 de out de 2002

feedback

Então é isso né? Vc vem no meu blog, acompanha minha vida, aperta a minha mão qd encontra comigo, troca um sorrizo e por isso acha que me conhece neh?
Pois é, vc pode estar errado, Confira agora mesmo!!!



vê ai se você sabe mesmo com quem andas




secret?

piercing



Your Secret Fetish Is Piercings!




Not only is the pain a big rush, as you know, piercings are a great sexual enhancer.
Sure, you may not be able to get a job with your punctured face,
but you will have incredible sex!
Kiss and suck away, but don't get your piercings locked with your lover's.


What's *Your* Secret Fetish? Click Here to Find Out!

More Great Quizzes from Quiz Diva


Testes são ótimos qd vc ta sem tempo de bolar conteúdo relevante.

11 de out de 2002

foi difícil montar isso

Me faz dançar: jesus built my hotrod - Ministry (pq pular feito doido é muito bom)
Me faz feliz: Jump in the Line - Harry Belafonte (pq pular em cima da linha é melhor ainda)
Me faz lembrar de um amiga: My Wings - Lacuna Coil (pq a Christina Scabbia é tudo de bom e é a única banda que eu e a Ju concordamos que é foda pra caralho)
Me faz lembrar de um amigo: Kingdom - VNV Nation (na verdade eu lembro de uma penca de amigos qd ouço isso)
Me entristece: and i love you so - Harry Belafonte (choro e tudo, é uma desgraça)
Me alegra: shiny happy people - REM (e ainda tem a fofa da Kate Pierson)
Diz muito sobre mim: Insight - Joy Division (sim, eu sou um otimista, mas no fundo eu sou um derrotista de merda)
Me faz lembrar alguém significante: big mouth strikes again - The Smiths (A Bianca ficou toda felizinha qd decorou essa letra)
Eu Escreveria: Blume - Einsteurzende Neubauten (disconexo, sem sentido, apenas poesia)
Não gostaria de ouvir de novo: Mother Gaia - Stratovarius (pq eu odeio power metal e qualquer coisa virtuosa)
Tocaria no meu funeral: The Ghost Of Stephen Foster - Squirrel Nut Zippers (Pq SNZ é o que há)
Faz meus amigos lembrarem de mim: my girlfriend´s girlfriend - type o negative (no comments plz)
Gostava, mas agora nem tanto: ask - the smiths (qd vcs produzirem uma festa de rock por mais de um ano vcs vão me entender q até as músicas muito foda tem seu esgotamento)
Não admito que eu gosto: In the end - Linking Park (caralho, é um lixo, mas eu acho muito maneiro)
Faria tudo para ouvi-la num show: disorder - joy division (só no centro espírita agora)
Me faz lembrar minha infância: carimbador maluco - raul seixas (plunk plact zum era qualquer coisa)
Parece com a minha adolescência: smell like teen spirit - Nirvana (até pq em 91 eu era um adolescente)
Muitas pessoas gostam, mas eu não: Caetano Veloso (putz, que cara chato da porra)
Gosto da letra: New Dawn Fades - Joy Division (lindo, lindo, o que não é um esquizofrênico amando)
É melhor quando tocada no carro: Black Planet - Sisters of Mercy (mas o carro tem que ser um maverik preto de deve-se estar usando cartola)
Gostaria de acordar com: Stella Maris - Einstuerzende Neubauten (mas bem baixinho)
Gosto, e meus pais também: Love me do - The Beatles (eterno)
É melhor ouvida quando se está acompanhado: interinlovers - Eistuerzende Neubauten (pq essa música é liiiiinda)
Foi tema de um dos meus filmes favoritos: As the world falls down - David Bowie (pq o David Bowie é melhor que Deus)
Me faz pensar no sol: qualquer Axé music me lembra de sol, areia, praia e outras coisas insuportáveis
Me faz pensar na noite: early to bed - morphine (canalha way of life)
Me faz pensar em sexo: i touch myself - Divinyls (crássico masturbatório)
Me faz querer estar sozinho: the hall of mirrors - Kraftwerk (pq reflexão é importante (sacaram? Mirrors? Reflexão? Sozinho? Heim? Heim? tun run run tsss)
Me faz sorrir: hell - squirrel nut zippers (Qq coisa do SNZ me faz sorrir)
Gosto de ouvir em bares: stigmata martyr - bauhaus (Pq se um bar toca bauhaus deve ser um bar de responsa)
Não é do meu "tipo" mas eu gosto: superstylin - groove armada (música de playboy de qualidade)
Me faz lembrar alguém que eu quero, mas não posso: perfect drug - NIN
Posso cantar bem: Nada : ) (he he he : ))
Gosto, mas é só instrumental: yyz - rush (pq neil piert é a única virtuose que eu tolero)
Não foi lançada recentemente, mas adoro: Shoop Shoop Song - Aretha Franklin (pq é fofooooooo)

Mas acho que ta bem pensado...

9 de out de 2002

frustração política, blog abandonado e briga no metrô

Durante a semana passada eu tava dando aula a noite na Iseven, por essas e outras que o blog andou meio caido, foda, não gosto de deixar meu jardim as moscas...

Agora é me conformar que eu moro no único estado do brasil inteiro onde o garotinho teve mais votos que o lula...
Agora é me conformar que sou governado pela namorada do chico bento... Brincadeira sem graça, sacanagem com a namorada do chico bento...

Ontem no metrõ eu pisei no pé de um cara sem querer, quando minha educação fez com que eu me virasse para pedir desculpas ele me empurrou (ou tentou, o fato é que ele foi agressivo)...

Eu - Porra cara! Como tu me agride assim depois até d´eu pedir desculpas? Segura a violência ai brother!
O Cara - Se tu pisa no meu pé e pede desculpas então é só eu me desculpar tb.
Eu - Ta bom então, tua onda é essa neh? Eu só posso lamentar pela sua educação.

Ai ele continuou falando merda pelas minha costas mesmo eu tentando ignorar a situação, todos os truques básicos, palavrões sem sentido e ofensas a minha masculinidade. Tava cansado, puto, meio doente e sem paciência... Não deu pra segurar, me virei e comecei o discurso.

Eu - Quer saber de uma coisa? É por causa de umas figuras escrotas como vc que a coisa ta como ta! Que essas merdas de Rosinhas ganham em primeiro turno!


Ai, eu percebo todo mundo no metrô me olhando...
Tudo que eu pude fazer foi por o fone no ouvido e continuar a ouvir música...

Qd o cara desceu na central algumas pessoas ficaram sacaneando ele...
e foi isso...

2 de out de 2002

No meio da balbúrgia tempo para um recado:

menos um

Menos um lugar legal no Rio de Janeiro.
Desta vez é a Spin a fechar.
Fico triste, fui lá umas duas ou três vezes apenas e realmente gostava muito do lugar.
Agora é ficar de olho no próximo lugar para aonde o povo bascana da spin vai migrar.

Como fechamento de buat tb é momento de glamour, anuncio aqui as últimas festas da Spin.
SEXTA, SÁBADO e DOMINGO tem programação boa, vale a pena.
Tudo graças a Theddy-o, grande DJ e entusiasta das coisas boas da vida. Graças a ele eu to descobrindo algo que eu já supunha que ia gostar muito: Psychobilly!

Infelizmente a operação da gata (ver post anterior) vai me deixar de fora, assim como me deixará de fora do Festival Rio BR. DAMN! Ainda assim isso não é desculpa para VCS não irem. Aproveitem e pretigiem.
dia confuso

tudo ao mesmo tempo agora.
Cheguei atrasado no trabalho.
tem um cartão pra fazer inteiro ainda.
tem o lay out pra terminar hj.
tenho que sair cedo para dar aula na iseven até as 10 horas da noite.
Carol vai levar a gatinha para operar hj. Ela vai ser castrada pois está com cio eterno e não para de berrar.
Tenho que fazer milhões de depósitos e transferências hj no banco.
Complicado.

1 de out de 2002

a maior comédia de Shamalamalamamlalamanaa



Sinais é divertidíssimo. Mas deve ser assistido como comédia, qualquer pretensão de tornar esse um filme "sério" (como tentaram ser os dois anteriores do Indiano mais Louco de Hollywood) vai torná-lo uma merda (maior do que já é).

Eu não sou exatamente fã do Shamalamalamalamam, acho o Sexto Sentido um filme bacaninha, mas sem maiores méritos, sou um dos únicos defensores de Closed Body e estava achando que sinais de certa forma prometia algo de bom, até por que trata de um assunto que tem material para bons filmes. Qual não foi a minha agradável surpresa ao ver que o filme é engraçado? Escrito como uma comédia disfarçada de filme sério?

Vamos lá, alguns méritos do filme: eu não gosto muito do estilo de direção do M. Night, mas esse filme tem uma edição mais rápida do que os outros dois, o que já favorece alguma coisa, ainda assim o filme é meio lento.

Tem uns ângulos e cortes bons. Nesse ponto, o filme manda bem, o diretor tem mão boa para criar uma certa tensão. Fora um ou outro "susto", a atmosfera de piadinhas e interpretações caricatas prevalece. A menininha que faz a filha do Mel Gibson é fofa, acho que vale a pena assistir o filme só pra ficar se deleitando com os ares de inocência sincera dela.

Na hora em que aparece o Brasil, mas precisamente a cidade de Passo Fundo (que realmente existe e nem fica perto de Belo Quinto), as pessoas estão realmente falando português! Nada de espanhol!

*Spoiler*

A Piada final é o próprio Alienígena que veio do espaço. A grande fraqueza dos invasores é (pausa de suspense) água!

Agora me explica por que aliens alérgicos a água vão invadir um planeta que é 3/4 de água? Vocês estão entendendo? Essa é a piada do Invader Zim, animação do Jhonen Vazquez que eu não canso de babar o ovo. Porém, enquanto na animação isso é um detalhe absurdo, no filme é a solução final de todos os problemas.

Agora me explica também um E.T. que cruza o espaço sideral ter problemas para abrir um porta? Não rola.

Dá pra esperar sair em vídeo numa boa para se ver. Não rola nenhum grande efeito especial que justifique a telona. Recomendo para uma tarde bem-humorada de domingo, onde você possa reunir os amigos para tomar umas e outras e se divertir.

30 de set de 2002

mostros e os tempos modernos



Foi semana passada a carol pegou o dvd (edição especial - duplo) de Monstros S.A. para vermos.
O conteúdo do DVD é genial, o dia em que minha neura de não gastar mais um puto comigo passar eu até penso em comprar um desses.
Os extras estão fodas, fora o impagável "for the birds" ainda tem teaser de "finding nemo" e um monte de curta metragens especiais para o dvd, todos valem muito a pena. Pixar é um dos poucos 3d que compensam. Fora isso o CD 01 (o que contém o filme) ainda é uma "aula" de como fazer multimídia para crianças, joguinhos e interatividades divertidas que valem a pena serem vistas por quem trabalha no ramo.
O outro CD é um daqueles materiais divertidos de se ver. Mostra como é o trabalho na pixar e o processo de criação de um longa 3d. Óbvio que é um recorte. Mostra os lugares legais da pixar, a galera andando de patinete de um lado para o outro naquele lugar maravilhoso e fazendo concurso de aviões de papel, sendo assim todo mundo quer trabalhar com animação. Não mostra o pessoal virando noite, retocando quadro no photoshop como escravos chineses e por ai vai, ou seja, o trabalho de corno que é fazer desenho animado. Só pra lembrar, ainda assim eu daria um braço para ser escravo chinês na pixar.
Ainda sobre o CD 02, é nele que se percebe o quanto o conceito de Monstros mudou durante o processo de animação. Quilos e mais quilos de animatics, character designs e storyboards, todos ótimos como referência de animação e processo, essencial.

Agora sobre monstros s.a.
O filme é genial, 3d como deve ser, com cortes de câmera e takes de animação 2d, sem histeria pela técnica e ainda assim com acabamento de fazer todo mundo guardar o mouse no bolso e não revelar que trabalha com animação.
A história é tudo que um longa metragem de animação deve ser, divertida, dinâmica, personagens carismáticos e idéias colocadas em camadas. Para as crianças é um delicioso conto de fadas sobre o que há dentro dos armários o valor da amizade, o mal perde e o bem vence e no final tudo fica muito melhor. Para quem já trocou a dentição toda muito para se ver no filme. A crítica ao sistema operário, história sindical, ressucitando ideias de Chaplin: levar com muito bom humor a massa a reflexão do cotidiano e do certo e errado nesse mundo pertubado que vivemos. Tudo no filme inspira isso, inclusive o clima anacrônico, cheio de detalhes que remetem ao início do século passado, desde a arquitetura até o estilo de algumas vestimentas até a abertura 2d do filme que, para ser mais pantera cor de rosa, só faltava trilha do Mancini. Nas motivações dos personagens podemos encontrar diversos tipos humanos que as crianças desconhecem, mas que nós adultos vemos o tempo todo nos labirintos corporativos. E tem o elemento paranóia, dos soldados sem rostos que estão sempre prontos a corrigir o que vc fez de errado.
A direção de arte? Suprema! Está lá o tempo todo e nunca se perde, as cores, os estilos, tudo amarradinho, da pra perceber pelos estudos (extras do cd 2) que eles conseguiram o que queriam, usar a tecnologia do século XXI para contar uma estória com estilo início do século XX.

Tudo isso só me faz lembrar uma coisa...
SHREK É O CARALHO! SHRECK É O MEU OVO ESQUERDO! FILME RUIM! FEIO! PRETENCIOSO E REACIONÁRIO!

ufa... desabafei...


tanta coisa para falar...

meu jardim ta murchando...

22 de set de 2002

nossa, como estamos caseiros

É isso ai, fim de mês (é, para mim já é fim do mês), duro como alguma coisa muito dura, fico em casa... Sem filmes, sem cinema, sem festas, sem porra nenhuma. Ok, aqui tem TV a cabo, nada mal...

A grande graça é que EU cozinhei : ) Fiz um bolo de chocolate que foi muito elogiado, fiz um arroz com Lula (vote 13 para presidente) meio bahiano (a Carol recomendou pôr dendê e pimenta) que fixou bem bom e mais pra de noite fiz bolinho de chuva, que ficou bem gostosinho. Estou determinado a me tornar chefe, igual ao Klein do lixomania, para isso contratei a melhor chefe que eu conheço, a Carol : )))))

Outra coisa boa do fim de semana é que uma grande amiga de quando cursei jornalismo no pinheiro guimarães me achou na net: a Monicão. Que saudade que eu tinha dessa menina, uma das únicas pessoas que valia apena ter contato naquele antro de imbecis que era aquela faculdade, tenho saudade de outras pessoas de lá tb, derrepente eu tiro um dia pra fazer uma visita lá, principalmente agora que eu moro perto de lá.

E foi isso...

Eu realmente prefiro qd meus posts são mais interessantes, mas tudo que eu tenho para falar hj é isso :P

18 de set de 2002

O pior de todos

A Vingança do Mosqueteiro é uma das piores adaptações do Dumas que eu já vi na vida. Segundo a Roberta, nunca houve uma boa adaptação dos mosqueteiros, mas eu e Carol gostamos muito do Homem da Máscara de Ferro.

Eu, como fã de capa e espada, tenho um tesão puto por essas coisas. Ao ler que a Vingança do Mosqueteiro era coreografado por um Chinês, um brilho apareceu em meus olhos meigos.

Mas não, o filme não é bom. O cinema americano acha que pra fazer filme "tipo chinês" a edição tem que ser tosca, a história contada as pressas e sem coerência e continuidade. Ok, eles estão certos, mas acho que só os chineses tem o feeling pra fazer isso e ficar bom.

As lutas do filme são mirabolantes, exageradas e tudo que se tem direito, mas tentaram mixar isso com muito movimento e corte de câmera. Resultado: ninguém entende patavinas do que está acontecendo. Aqui eu lembro do comentário do Tiago Teixeira sobre as lutas de LoTR serem como as lutas de Monty Python e o Cálice Sagrado. Sábios são os chineses, que casam essas acrobacias com uma câmera um pouco mais parada e com cortes mais longos, assim fica cada coisa ao seu tempo.

Atenção para:
- O vilão do filme que é mau como um pica pau de rabo verde. Uma de suas falas é "não tenho coração" e se chama Febre.
- O Athos parece uma versão brucutu do Silent Bob.
- Não tem ninguém bonito no filme, nem o Aramis. Só a menina de beleza americana que é "interessante", no máximo.

13 de set de 2002

tudo é força, mas só beira-mar é poder paralelo

Já viram shopping fechado numa quinta feira as 3 da tarde? Pois é, eu já.

12 de set de 2002

AAAAAAAAAAAAAAAAhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!!!!!!!

Para tudo! Para tudo!!!

O Rush vem ao brasil!!!!

E no dia do aniversário do !!!!!

11 de set de 2002

11 de Setembro

Devo eu falar algo sobre o 11 de Setembro? Se for falar, falarei isso:

Me parece que o único que aproveitou o dia de hoje foi o Fernandinho Beira-Mar. Uê e Celcinho da Vintem rodaram. Com isso, a ADA perde seu fundador e cabeça. Com certeza vai ter tiroteio no Juramento, onde eu moro com os meus pais. Vão querer invadir o morro de qualquer jeito. O Juramento tem valor simbólico para o tráfico, uma vez que era o QG do Comando Vermelho na época do Escadinha.

Toque de recolher.

10 de set de 2002

wet warm kid meets cold dry woman

Encontrei no icq a minha primeira namorada, a Bianca.
Foi estranho, fiquei um pouco assustado no início com o quão "normal" ela ficou ao longo desses mais de seis anos em que, absolutamente não nos víamos.
Confesso que fiquei um tanto aborrecido com um certo tom de desdenho (provável neurose minha) com a qual ela se referiu aos meu hobbies.

Ela disse:
"E o "arcano", pelo jeito você não usa mais no seu sobrenome. E o rpg, os grupos de rock? Ainda persistem ou foram momentos da adolescência?"

Eu entendi:
"E então seu debilóide? Já cresceu ou continua uma criança estúpida?"

Acontece, não contava com certas reações, mas a vida corre mais do que a gente. Fiquei feliz em saber que ela está "bem". Bem entre aspas pq ela está "estável" e, por mais que eu goste de "estabilidade" não considero ela exatamente "bem"... Ah! Vcs entenderam.

Bizarro mesmo foram algumas mudanças de essência. Pessoas mudam, planos mudam, idéias mudam, que ótimo. Mas certas essências qd mudam tem significados estranhos. Eu ainda lembro da Bianca sorridente, bricalhona, infantilóide, aliás foi por essa menina que eu me apaixonei qd tinha 14 anos (Deus do céu, já faz 10 anos), encontrá-la cisuda, austera, pragmática foi um tanto chocante para mim. Me fez pensar que qd eu comecei a namorar com a Carol ela não chegava a ser assim, mas era muito mais "adulta", hj já está bem mais dispojada. Conclui que sou uma péssima influência, ou que ainda, eu meio que descolo as pessoas da racionalidade.

Em fim, tomara que continuemos conversando e que essa impressão passe. De qualquer outra forma...
boa noite, dorme com deus, sonha com eu e mais um monte de tati bitatis que eu não lembro.

Graças aos céus hj em dia eu tenho todos os tati bitatis, infantilidades, brincadeiras, coisas fofas e gostosas de se viver que eu preciso (e mais algumas) para ser feliz com vc, meu amor. Não sei o que seria da minha vida sem vc.

9 de set de 2002

Sobre o que eu tenho feito

Domingo eu fui no Gameworks com as meninas. Eu num curtia muito aquele lugar não. Lembro que da primeira vez em que fui lá com a Carol achei os simuladores chatos e não achei nenhuma máquina que prestasse. Ontem não foi assim, me diverti pacas. Fiquei jogando pod racer e, depois de algum tempo, até que eu já estava me saindo bem. Fora isso fiquei jogando jurassic park (eu tenho medo desse jogo) e, graças a Roberta, que realmente sabe atirar (contrário de mim que sou pereba que toda a vida), consegui até ir longe. Mas a estrela da noite mesmo foi um jogo de tiro em que vc se esquiva das balas, tipo bullet time! Muuuuuuuuito foda, to com a perna doendo até agora de tanta flexão que fiz. Precisamos fazer isso mais vezes!

Ah! E como estava num templo do consumo, comprei um boneco do Nasgul! Muito maneiro tb : ))))

Se eu fosse...

um músico, seria... Mark Sandman
uma frase, seria... "criatividade é saber esconder suas fontes”
uma pergunta, seria... “tem mais?”
uma banda, seria... einstürzende neubauten
uma música, seria... “jesus built my hotrod”, ministry
uma flor seria ... cravo
um nome, seria... Ian
uma bebida, seria... suco de melão
uma palavra, seria... catarze
uma arma, seria... arco e flecha
um gesto, seria... thumb´s up
um animal, seria... urso
um desenho, seria...”invader zin”
um personagem, seria... Spike, de “cowboy bebop”
um filme, seria... “Labirinto”
um lugar, seria... Estocolmo
uma ator, seria... John Depp
um livro, seria... As portas da percepção - aldous huxley
um programa, seria... ir ao cinema (Deus, como eu sou óbvio)
um objeto, seria... um brinquedo
um instrumento, seria... uma chapa de metal
um horário, seria... 3 da tarde
uma cor, seria... preto
um dia, seria... sábado
um refrigerante, seria... guaraná jesus
um chocolate, seria... crunch
um biscoito recheado, seria... limão da piraque
uma estação do ano, seria... Inverno
uma utopia, seria... saber tudo que eu quero saber, que é tudo
uma fruta, seria... manga
uma comida, seria... pizza
um beijo, seria ... profundo
uma figura, seria ... retângulo
um perfume, seria... pollo
uma cura, seria... repouso
um pedido, seria ... “Me dá mais um”

Questionário criado por Bonitinha
sobre o que tenho visto

hnf...
Tô num época tão fraca de vídeo e cinema... Eu já ia muito menos do que gostaria, agora então...
Esse fim de semana só vi dos filmes, e nenhum dos dois foi bom.

Vi aquele "o amor é cego" (pq carol insiste em comédias românticas). O filme até poderia ser engraçado se o ator principal fosse engraçado, mas não é o caso. Tem um ou outro truque bom e para por ai. Não vale.

Tb Vi Hora do Rush 2. Carol sabe o qt eu gosto de Jack Chan e fez esse sacrifício por mim. que filme divertido, roteiro estapafúrdio, lutas mais ainda. Eu adoro Jack Chan. A Carol, por incrível que pareça, não acho tão detestável. Prometi a ela tentar descolar Drunken Master pra ela ver.

E vi um filme meio documentário do Ed Gein, a Roberta é viciada nesse cara. Só que o filme é tosqueira que dói, e, segundo ela que é autoridade no assunto, ultra mal daptado. Quem é Ed Gein? É um serial killer famoso, o tal canibal transexual que tinha uma roupa de pele humana. O cara tem um culto de seguidores de dar inveja ao Charles Manson, fora o fato que ele é *A* inspiração para um pá de filmes.
Aliás acho que vou passar o dia lendo sobre ele, vendo coisa legal eu posto aqui.
sobre o que tenho lido

Hj vou atualizar a bagaça ai do lado. Óbvio que eu já terminei de ler a ilha das almas selvagens, eu demoro para ler mas não vamos exagerar.
Toda vez que leio sobre o Dr. Moreau eu tenho vontade de fazer um puta longa metragem de animação contando essa história, fazedno bem ia ficar melhor do que todas as adaptações pela saco que rolam por ai.

Depois eu parei pra ler a nuvem amaldiçoada, do Sr. Arthur Conan Doyle. Esse conto é bem razoável, mas ta loge de ser o melhor dele. Um outro conto que vem no mesmo livro sobre um fantasma no ártico é bem mais legal, parece até coisa do Lovecraft. Mas num adianta, Sr. Doyle é o Tio Sherlock mesmo. Esse cara é foda.

Sim, como vcs podem perceber eu gosto de literatura do fim do século 19 início do 20.
Junto com esses dois picões ai (e a referência ao Lovecraft) eu tb curto o Julio Verne e o Robert Louis Stevenson. Se alguém lembrar mais algum autor (ou autora, sem preconceitos) desse período e desse gênero (fantasia científica positivista) me recomende por favor.
Entenderam agora pq eu gosto tanto da Liga Extraordinária?
Entenderam agora pq eu já estou aborrecido por saber que o filme da liga extraordinária vai ser uma merda?

Pois é, agora estou rererelendo Duna. Muito foda.
Estou relendo um monte de coisa até conseguir Deuses Americanos do Neil Gaiman para ler.
Se carolzinha não me arrumar um exemplar vou acabar comprando mesmo, mas eu me recuso, uma vez que namoro um livreira (ou buquenista, chique neh?).
Vamu lá meu mô lindo, me adianta esse livro : )))

6 de set de 2002





Quotes

"Nessa vida ninguém vale nada, e os que valem não valem porra nenhuma."
-cassiano

"Dessa vida só se leva o que se come, o que se fode e o que se bebe"
-Um cara bêbado de vicente de carvalho.

"Água morro a baixo, fogo morro a cima e mulher quando quer dar ninguém segura"
-lameira de caminhão

"Cavalo que pula rodando e mulé que goza gritando não é defeito, é qualidade"
-mais lameira de caminhão

"O meu senhor é professor de matemática e medicina, porque jesus só existe no livro e na cabeça do pastor"
-um louco com bíblia em punho hj cedo no sinal

"Polícia é o caralho, polícia, vai se fuder"
-go (um louco clássico de vicente de carvalho)

Drummond é o meu ovo esquerdo. A verdadeira sabedoria pertence as lameiras de caminhão, aos loucos, aos bêbados e aos amigos.
Nihilismo é o que há.
Estocadas cadenciadas...

Como é divertido ver os termos que os escritores de "cartas da forum" usam pra foder.

5 de set de 2002

fujam todos, ele é negro!

vi dia de treinamento ontem...
Puta filme bem feio e tal. História legal e por ai vai.

Mas porraputaqueopariuquemerda, a porra do branquelo, sem graça, puro de coração é o herói da história e todas as outras minorias são criminosos filhos da puta.
Não fode, que merda...

Quer saber, eu fique puto do Alonzo ter morrido no final. Alonzo rlz, quero ser policial igual a ele. O cara é super herói e não um policial. Muito foda...
Merda daquele branquelo escroto, tinha mais é que se fuder...

Acho que é isso que eu tinha pra falar sobre esse filme...


2 de set de 2002

hunf

Chuva, frio, vento. Como eu queria que o Rio de Janeiro fosse sempre assim...
E como eu queria aproveitar melhor os dias assim...

Um bom final de semana, mas é pq eu são raros os finais de semana ruins, uma vez que, no mínimo, sempre tenho por perto quem eu amo.
Uma das grandes graças de ter um blog é que você começa a, naturalmente, criar folders em sua mente e enchê-los com os fatos. A minha mente ta assim:
+ blogável (tipo isso que vc ta lendo, news, cotidiano, amenidades)
+ blogável mas eu tenho que preparar o post com calma (bombástico, genial, criativo - esse folder vive cheio e raramente esvazia, depende diretamente do meu tempo pra jardinagem digital)
+ não blogável pq é sem graça (hj eu dormi de meias)
+ não blogável pq eu não quero (vc não acha realmente que eu vou citar algum exemplo desses neh?)
+ não blogável pq eu não posso (adoraria citar alguns exemplos, mas naum :), eu adoro fazer charminho)

Em termos de blog o que te faz sentir comum são as pastas blogáveis e o que te faz sentir único são as não blogáveis.

você é o que você não fala

Acabo que perceber que eu sou muito mais canalhafilhodaputa do que eu pensava...

Fora isso meu final de semana se reduziu a 3 idas ao bingo com as meninas. Ninguém merece... Mas como eu disse antes, já vale pela compania...
Fora isso eu to me sentindo o neurótico supremo, aqui na vox ninguém disse absolutamente nada sobre as cotas não cumpridas...
Fora isso eu não consegui ler nada, ver nada e ouvir nada novo o final de semana inteiro...
Novidades? Eu vou dar aula num curso de quadrinhos da estácio de sá, mas a aula que vou dar é de animação para internet. Recebi na sexta e já estou vendo o dinheiro vazar. Viram? Novidades apenas de trabalho...

Eu fico tão melancólico no frio...

29 de ago de 2002


Tava percebendo que toda vez que alguém me pergunta sobre "novidades" eu acabo respondendo coisa de trabalho...
To começando a desconfiar que e sou um cara meio chato...

28 de ago de 2002

fudeu

Isso é só um desabafo profissional, se vc não estiver com humor para isso nem leia.

Fudeu, me passaram mais trabalhos para fazer (entre banners e outras coisas) o que terminou de quebrar o pobre planejamento que eu havia feito para tentar salvar a minha cota esse mês. Se eu conseguir fechar 10 cartões eu vou ficar feliz da vida, mas a meta é 16. Foda, ninguém parece estar se importando, mas qd vier o controle desse mês (feito normalmente no início do próximo) vão olhar feio e eu não vou poder dizer nada. Vou dizer o que? Não tenho o que dizer, trabalho o que dá pra trabalhar, tem vezes em que eu faço um cartão por dia, vezes que não. Só que eu realmente não consigo diagnosticar o que houve esse mês. Realisticamente falando só tive trabalhos, fora cartão, duas vezes esse mês, um logo no início dele e outra na semana passa. O que há comigo afinal? Não tenho mais blogado na frequência em que eu blogava antes, não fico de papo no icq, não navego atôa, pq esse mês eu produzi menos que no mês passado? Que inferno inferno inferno!!!!!!!!!!!!!!
To a ponto de explodir, na boa...
Pior que eu adoro o que eu faço aqui e faço no maior gosto...
Pq meu deus...


A coisa que eu mais odeio no mundo é me sentir ignorante.
Ontem por algumas vezes eu me senti assim junto a pessoas de que gosto muito...

Tristesa.

27 de ago de 2002

26 de ago de 2002

por essa eu até quebro o jejum do blog



Mais uma foto (dessa vez boa) do meu personagem lá na Terminal Filmes, o Matadô. Dessa vez, o mercenário sem coração vai enfrentar o Serial CD Killer, sejá lá o que isso for. Vale a pena conferir.
Resumão

Eu cumpro cotas aqui na vox...

Eu tenho que fazer sete cartões até o fim da semana (pra fechar a minha cota mensal) ...
Não, não dá...

Mas esse blog ainda assim vai ficar meio desatualizado até sexta feira a noite pelo menos...
Eu tb devo ficar meio lacônico no icq, mas em fim...
É só por uma longa e estressante semana....
Que inferno...

Por favor, deixem mensagens dizendo que vcs me amam, me adoram e sentem a minha falta...

Seguindo a moda eu vou deixar recadinhos tb:
Carol, aproveita que vc comentou o post abaixo e comenta esse tb pra eu ficar very happy.
Robs, vc tb não comenta no meu blog e isso me deixa muito muito triste, vai me render anos de análize.
Tais, vc nunca comentou no meu blog, a hora é essa.
Ju, fala alguma coisa, me da um apoio pleeeeeeeeeeaaase!!!!
Ronaldo e Elton... Ah Porra! Vcs vivem comentando essa bagaça de uma forma ou de outra...



23 de ago de 2002

O Rafael uma vez fez uma brincadeira divertida no blog dele...
Ele usou de seu invejável arcabouço filosófico para criar algo como "como sei o Rafael por um dia".
Óbvio que eu não tenho nem perto do seu conhecimento sobre o ócio criativo, mas vá lá...
Acho que tb posso tentar...

com vc...

Como ser o Romulo Marques em alguns passos:

1° - Nunca se leve a sério;
2° - Nunca leve ninguém a sério;
3° - Nunca leve nada a sério;
4° - Nunca perca uma piada;
5° - Queria saber de tudo;
6° - Minta que vc sabe tudo;
7º - Ache graça de coisas pequenas e irrelevantes;
8° - Ame a Carol;
9° - Sempre que possível fale mal do Nietzsche e do godart;
10° - Sempre que possível babe o ovo do Giger, do Saville, do Linch, do Cronenberg, do Lovecraft, do Verne, do Wells, do Herbert e de mais uma pá de gente;
11° - Creia que a Christina Ricci é a única mulher bonita de Hollywood;
12° - Ache, mesmo que totalmente sem embasamento, que ciência é uma religião como outra qualquer;
13° - Goste de religiões;
14° - Seja irritantemente otimista;
15° - Sempre pare tudo o que vc estiver fazendo para assistir à um desenho animado.

That´s it...

21 de ago de 2002

aberrações de 8 patas



Ok, o filme é legal.
Tava esperando ele desde o ano passado, qd vi o trailer pela primeira vez. Quem me conhece sabe da minha relação de amor e ódio (pânico) de aranhas.
O filme, como todos já sabiam, é uma piada referencial a filmes de monstros dos anos 70. Muitos filtros (daqueles que amarelam e granulam a película), vestuário e props contam isso, engraçado é o anacrônico, já que rolam computadores em casa. A história é bem amarrada em seus esteriótipos, bem caricatural. Os efeitos são bem ok com direito a alguns detalhes do tipo:
Na cena das saltadeira perseguindo o Brat, ops.. Bret, no deserto, as aranhas estão com falha de chromakey, igualzinho nos filmes antigos. Aquilo não está lá por falta de dinheiro, foi posto para simular uma tecnologia antiga que nem é mais usada, umas vez que as aranhas são cg e não filmagens. Genial. Outro ponto bom dessa cena é a voadora que o nosso jovem motociclista da numa aranha.

Outro ponto bom é o fator marte ataca que tem esse filme, uma vez que aranhas praticamente "falam" e se mostram sacanas, como os aliens do tim burton.
Sim sim sim, o filme é um empilhamento de referências cinematográficas uma atrás da outra, vai de tomb raider a morcegos passado pelos clássicos todos, mas não vou ficar enumerando isso aqui.

Coisa engraçada no filme é a síndrome de "era pra ser". Tal qual nos anos 70 escolheram atores que lembram outros atores, numa de tentar roubar um pouco do carisma.
O negão da mina era pra ser o Danny Glover, mas eles não podiam pagar o DG então chamaram outro cara.
O cara da rádio era pra ser o Chris Rock, mas eles não podiam pagar o CR então chamaram outro cara (por um acaso um dos atores de Bill Cosby seriado).
O velinho da barbearia era pra ser o Leslie Nielsen, mas eles não podiam pagar o LN então chamaram outro cara.
O prefeito era pra ser o Tommy Lee Jonnes, mas eles não podiam pagar o TLJ então chamaram outro cara.
A trilha era pra ser do Dany Elfman, mas... Ah! Vcs entenderam.

Bem, vale a pena ver, mas só no cinema. Tvz em DVD num tela boa...

20 de ago de 2002

17 de ago de 2002

Acabei de ver Swordfish...

Tem um dvd desse filme há meses aqui em casa, emprestado do Eric...

Well...
O filme tem uma explosão maneira...
O roteiro tem um nível tolerável de estapafurtibilidade (adorei essa palavra), as músicas são legais, as mulheres peladas estão bem peladas...
O filme é rapidinho e por isso não te da muito tempo de pensar "putz, que merda"...

Foda é ver outro filme de hakers que brincam mais com 3d studio do que outra coisa...
Hollywood cisma que ser hacker é ficar perto de um monte de telas de computador passando desenho animado...

Pra Hollywood eu sou hacker... Então tomem cuidado...

A quem interessar possa eu não fui a são paulo...
vou derrepente no início do mês...

16 de ago de 2002

jesus christ vampire hunter

Essa foi mandada pelo Flávio Watson (elementar).





indicado pelo X-mall

Hoje, no Brasil,cerca de 400.000 pessoas estão aniversariando.Em um país como o nosso, de enormes desigualdades sociais,é bem provável que todas essas celebrações tenham uma única coisa em comum: a música Parabéns a você. Ela é,com certeza e com folga, a melodia mais cantada no país em todos os tempos e dificilmente algum dia terá um concorrente à altura.

Sua história começa nos Estados Unidos,em 1875. Duas professoras primárias da cidade de Louisville, no estado do Kentucky, as irmãs Mildred e Patrícia Smith Hill, resolveram compor uma quadrinha para os seus alunos cantarem quando chegassem à escola.O resultado foi Good morning to all uma simples de despretenciosa melodia em que o título também era a letra inteira, repetida quatro vezes em tons levemente diferentes.

Meio século mais tarde,uma editora musical americana lançou um livro de partituras, o Celebration Songs. Como na época nao havia uma música para ser tocada em aniversários, a editora "emprestou" a melodia das irmãs Smith Hill e rebatizou como Happy birthday to you e de novo quase nada aconteceu. Mas nove anos depois a canção foi usada como tema e uma peça teatral na Broadway, em Nova York não por acaso intitulada Happy Birthday to you.

A música se espalhou pelo mundo e chegou ao Brasil o final da década de 30. Aqui era cantada na festinha das famílias abonadas, em inglês mesmo. A letra original tinha apenas uma frase, happy birthday to you repetida 4 vezes,sendo que na terceira o to you era substituid por uma dear , mais o nome do aniversariante. Só que tinha alguém que não estava achando nenhuma graça naquela invasão musical alienígena. Era o cantor Almirante, pseudsônimo de Henrique Foréis Domingues,que também apresentava na rádio Tupi, um programa de grande audiência sobre música brasileira. Nacionalista fervoroso, Almirante se sentia incomodado com aquela coisa de brasileiro ficar enrolando a língua e, em 1942,decidiu promover um concurso para uma letra "mais nossa" para a melodia americana.

Uma das 5000 cartas que chegaram à Radio Tupi veio da cidade paulista de Pindamonhangaba, no Vale do Paraíba, SP. Foi escrita em apenas 5 minutos por Bertha Celeste Homem de Mello, filha única de um casal de fazendeiros e formada em farmácia, casada e mãe de uma filha. O juri encarregado da escolha era composto por membros da Academia Brasileira de Letras: Olegário Mariano, Cassiano Ricardo, e Múcio Leão , e os três se encantaram com o versinho de Bertha Celeste, por dois
motivos: era um dos poucos que tinha quatro linhas diferentes ( a maioria preferiu repetir a mesma frase 4 vezes). Dava goleada até na letra original.

Bertha Celeste tinha 40 anos quando escreveu a quadrinha Parabénsa você . Depois se te tornar conhecida em todo o Brasil, doutourou-se em Letras e dedicou-se à poesia. Aos 54 anos de idade mudou-se para a cidade vizinha Jacareí, onde lecionou por mais 10 anos e onde viria a falecer em agosto de 1999 aos 97 anos, de pneumonia.

Além de passar boa parte da vida contando a história do seu famoso verso.Bertha insistia que as pessoas cantassem direito. Quem canta - como muita gente faz - "Parabéns PRA você, nesta data querida, muitas felicidades, muitos anos de vida", está cometendo 3 erros (gravíssimos, asseverava a autora): na primeira linha,o certo é "Parabéns a você". Na segunda,o correto é "nesta" e não "nessa". E na terceira, "muita felicidade" é singular e não plural. Ah, e aquela coisa de "É pique-pique-pique, é hora, é hora, é hora" depois do "Parabéns a você" nao tem nenhuma relação com a melodia original, nem com a autora. Poetisa de respeito ela jamais escreveria uma barbaridade dessas.

O Nicholas postou no blog dele um papo que tivemos sobre Minority Report.

15 de ago de 2002


Muito trabalho e pouca diversão fazem de Romulo um bobão...

Não, eu não estou citanto Stephen King, eu estou citando Stanley Kubrik.

13 de ago de 2002

bateu!

Ontem comi chocolate, hj comi mais chocolate e tomei coca cola vindo pro trabalho. Na boa, eu to dopado (sim, não sou a costumado a tanto açucar e cafeina). To tremendo, suando e trabalhando na velocidade da Luz.

Uhuuuuu!!

12 de ago de 2002


reparem que tem gente nova nos links.

you´re under arest for a future murder

Minority Report não é ruim, mas tb não é tão bom não. Tem gente que ta se irritando com tanta referência ao Kubrik (música clássica em cenários clean, o prendedor de pálpebras, alguns enquadramentos e por ai vai), eu acho fodão, qual o problema em se usar uma boa referência? eu tb tenho vontade de usar música clássica em filmes de ficção científica. Tem gente que ta se irritando com a direção de arte que é quase releitura de Inteligência Artificial (imagens sobrepostas em blur, bordas indefinidas em contraste a um fundo de luz branca intensa e por ai vai). Eu não me incomodo, já li em algum blog, não lembro qual, que isso poderia ser uma "assinatura" visual que o spielberg estaria desenvolvendo, eu não arriscaria tanto.
Em fim, não é uma bomba completa, mas deixou a desejar. O primeira meia hora de filme é espetacular, mas não se segura não. Pena, podia ser um marco do cinema de ficção, pq os detalhes periféricos tão bem cuidados, mas o core...

10 de ago de 2002

Og Mandino é o meu ovo esquerdo

O livro definitivo de administração/marketing/auto-ajuda é o Poderoso Chefão. Só nele se aprende a ser o administrador perfeito.

9 de ago de 2002


physiognomy by LeBrun

Uma forma boa de achar coisas legais na internet...
Digital alguma coisa bem genérica na busca de imagens do Google and have fun...
Esse link eu achei buscando por "cat"


Dito pelo Kiss, meu aluno de animação. O cara veio da alemanha só pra me iluminar com a sabedoria de lameira de caminhão:

existem três coisas que mulher faz bem:

Chorar sem ter razão
mijar sem por a mão
e fuder sem ter tesão


Valeu Kiss... Cada dia mais eu vejo a matrix...

eu gostaria de agradecer a academia...

Ontem eu consegui...
Cruzei a fronteira entre a vida comum e a imbecilidade completa...

Carol mudou a organização do armário do banheiro e...

EU ESCOVEI OS DENTES COM O CREME DE BARBEAR!!!!

A sensação é muito esquisita...

Qq ser humano normal simplesmente ia fingir que nunca aconteceu...
Eu ponho no blog...

Não se levar a sério da nisso...

sobre dvds e mononoke himes

weeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee

Desbloqueei meu DVD graças a ajudade Mestre Shroder (o mod da RioGoth, brother que toda a vida), ele passou esse site.
Se vc tem dvd e ele ainda não foi desbloqueado essa é a sua chance.

Aliás, pq os dvds são bloqueados se é tão fácil desbloquear?

Logo aluguei Prencesa Mononoke para ver pela duzentésima vez.
Pau a Pau com Spirited Away, rolam umas animações a 428 quadros por segundo. O Miyazaki é o bicho.
Agora é ver tudo em área 1 antes que saia no Brasil e tirar onda com a galera. Nerd Power rlz.


7 de ago de 2002

sobre filmes

Ontem eu vi a Amelie Poulan, realmente não entendo o ranso que o Tiago e o Ruy tem com esse filme, mas tb não entendo a admiração toda que a Carol tem por ele. O filme é um bichinho de pelúcia, da vontade de apertar, abraçar e dormir colladinho com ele em posição fetal. A menina lá que faz a Amelie é bem gatinha, estilão. Eu gosto do trabalho do Jean-Pierre Jeunet, até o alien que ele fez não é tão ruim, ainda assim a obra máxima dele ainda é delicatessen, o filme mais industrial do mundo.

Sábado eu vi Resident Evil no cinema. Contrário de Star Wars eu tinha visto umas partes no micro e não tinha me interesado muito (com star wars eu fui no cinema e me decepacionei). No cinema tentei imaginar um filme pra ver que a Carol provavelmente não quisesse ver (errei) e ai fui ver o Hóspede Maldito. Não muda a vida de ninguém não, mas diverte bem, o filme tem uns pancadão muito bão na trilha sonora, detalhe na bateria hardcore que rola do nada em toda cena de ação. O filme é visualmente bonito, embora tenha uns cgs meio bundões. No mais tem fan service da Milla Ioquovit peladona, ela nem faz o meu tipo, mas é sempre bom ver mulher bonita pelada, nem que só pelo prazer estético.

Outro dia eu vi Dinossauros. Pra quem curte animação 3d, fodão. Até eu que não sou fan de 3d achei a produção bem bacana, boas expressões, iluminação perfeita. A história... Bem, a história é a mesma de sempre, mas não incomoda pq é bem amarradinha.

Ah! Comprei o DVD de Senhor dos Anéis... Nerd Power...



. : PS : . (PS não funciona pra sistema de empilhamento, como o blog, mas vá lá)

Estou escrevendo rápido e vomitando as idéias...
Não estou revisando, estou é evitando palavras que eu não saiba ao certo a ortografia pro mico ser menor.

Me reportem os erros mobrais que eu vou corrigindo depois.

Em breve pra vcs dois posts elaborados (daqueles com imagenzinhas): Alienmon e Herbacrawley. Em breve tb mais links para pessoas legais...

é isso ai

Num dá pra levar a sério um pais onde:

Collor - Primeiro colocado nas pesquisas de Alagoas
Rosinha - Primeira colocada nas pesquisas do Rio de Janeiro
Maluf - Primeiro colocado nas pesquisas de São paulo
ACM - Primeiro colocado nas pesquisas da Bahia
Jader - Primeiro Colocado nas pesquisas do Pará

Kleber - Modelo de Brasileiro
Thyrson - Modelo de Homem para relacionamento

O partido dos trabalhadores faz aliança com o partido liberal.

e por ai vai...

O lance é Gabeira!!! 1324!!!
Ok, eu sei que o Tiago falou antes, mas é pq eu andei relápso no blog.

Na boa, as vezes eu tenho vontade de pensar de forma mais Punk e comelçar uma campanha para o voto nulo.
Mas a estética punk é tão demodé...


Ai chega a menina que trabalha comigo com seu Trident e seu mate...
Ai eu lembro d´eu chegando com cigarro e coca cola...

Que tipo de prazer eu tenho em ser podre?

buá

Eu tenho sido um blogueiro mal, um blogueiro relapso, os deuses do blog vão me amaldiçoar!!!

É foda, to tendo que trabalhar muito agora para cumprir as metas aqui da voxcards, pior que ainda assim estou sempre atrasado, primeiro pq me esmero em cada cartão, outra que fora cartão ainda tem outras coisas para fazer, triste...

Pior que eu fico só de butuca nos blogs por ai e nem comentário tenho tido tempo de deixar, só uma leitura rápida pra saber das novas das pessas relevantes. Numa dessas ainda percebo que falta um monte de link pra eu por ai do lado.
Numa dessas butucas vejo as fotos de uma blog party que rolou em sampa com um monte gente boa. Óbvio que o panaca aqui se debateu em tristesa por não ter ido.
Num dessas eu tomo uma decisão drástica: "devo voltar ao mundo dos blogs e rápido!!"

Jurei pra mim tb estreitar mais as relações com o povo relevante dessa área. Razão simples, a vida até me deu a sorte de encontrar pessoas relevantes analógicamente (Carol, Roberta, Ronaldo, Tais, Rafael, Juliana (que descobri ontem que o correto é Ruliana) e mais uma pá de gente, só pra citar os que tem blog), mas ainda assim é difícil encontrar bom papo e boa cuca como eu gostaria de encontrar.

Nesse momento eu Levanto a bandeira do mundo digital (qt babaquice) e prometo pra mim mesmo dedicar pelo menos alguns minutos mais extensos a bobagem, ops! Blogagem...

Eu preciso de bananada para ser feliz : )

Droga, a quem eu quero enganar? Agora que eu votlei a dar aula (weeeeeeeeeeee), pelo menos nessa semana, num tenho tempo nem de amarrar o cadarço (é assim que se escreve? Percebo que nunca tinha escrito cadarço antes) direito...

Mas veremos no que dá...

2 de ago de 2002

ADA

Vocês conhecem a ADA? Facção do tráfico de drogas (poder paralelo, crime organizado, chame como quiser) fundada pelo traficante Uê. A sigla está pixada em diversos muros da cidade, concorrendo com TC (Terceiro Comando) e CV (Comando Vermelho). ADA significa Amigo Dos Amigos e sempre me perguntei de onde eles tinham tirado esse nome.

A primeira vez em que li o Poderoso Chefão de Mario Puzo não existia a ADA. Na atual releitura do livro, vi que "amigo dos amigos" era a forma como os Sicilianos se referiam a máfia, uma vez que a palavra máfia (que significa "lugar seguro") foi declarada impronunciável pela omertá (lei do silêncio) durante a ditadura de Mussoline.

"você é amigo dos amigos?"
Pergunta o dono do Café a Michael Corleone, durante seu exílio na Sicilia.

Depois falam que traficante não lê.

Derby

Para assinar de vez a minha carta de miséria comecei a fumar Derby prata hoje. Custa apenas R$ 1,10.

Comecei a fumar há uns seis anos (burro velho, poderia nem ter começado, mas enfim) com Carlton, meu cigarro preferido até hoje mais pela propaganda do que pelo blend. Depois passei pra Free, pois achei que tinha algo em comum com o Carlton. Depois Hollywood azul, que era mais barato que o Free. Agora, Derby prata. O sabor que conquistou o Brasil.

De sofisticado cigarro que patrocina eventos de dança, fui para o jovem cigarro que patrocina eventos de Jazz, para então ir para o cigarro radical que patrocina eventos de Rock, para agora ir para o cigarro do pagodão.

Ainda não é o fundo do poço, quando eu começar a fumar Townson, Sussex, Belmont e afins eu aviso.

25 de jul de 2002

Torcida Gótica Botafoguense


Estou convidando os demais góticos botafoguenses (e simpatizantes) para ingressar na Torcida Gótica Botafoguense.
Sou convicto de que a Estrela Alvinegra é o time mais gótico do mundo. Eis os motivos:

1) A estrela é solitária;
2) É preto e branco;
3) Tristemente nunca chega a lugar nenhum;
4) Não proporciona felicidade alguma aos torcedores;
5) O grande craque (mané garrincha) morreu deprimido e alcóolatra;
6) O Túlio esta indo para o mesmo caminho;
7) É um grande time falido, mas faz pose pra todo mundo;
8) É quetinho, na dele, mas tem nome e respeito;
9) Vive de passado;

Outra razão não relativa ao fator gótico do Botafogo, mas que o torna extremamente atraente:
Bota fogo é time para pessoas que se garantem, estão bem estabelecidas na vida e são autoconfiantes.
Pq? Pq maioria das pessoas usam o futebol como válvula de escape para as frustrações cotidianas, do tipo "to fudido e desempregrado, mas o MEU time ganhou do SEU time". Como o Bota fogo não ganha de niguém, ou ainda, raramente faz alguma coisa, quem torce para o Bota fogo demonstra grande firmeza psicológica e não sente necessidade de se sentir superior a alguém usando mecanismos mentais de projeção.

Na TGB você ainda tem a vantagem de poder cagar e andar solenemente para futebol, você não precisa saber quem é o time do Alvinegro, não precisa saber quando são os jogos (nós não iremos de uma forma ou de outra por que provavelmente estaremos de ressaca), não precisa saber como está o Fogão no campeonato (até pq ele costuma rodar logo nas primeiras fazes). E quando alguém entrar numas de dizer que você não gosta de futebol você ainda faz um ar Blasé e responde "eu gosto é do botafogo".

Em breve estaremos vendendo as blusas com a nossa marca, mas para se juntar a TGB basta dizer pra todo mundo que você é da TGB.

Venha ser uma escala de cinza entre o preto e o branco absoluto.
Venha para a TGB






22 de jul de 2002

por favor, serve pra mim o que esse japa anda tomando



Tipo assim...
Como se faz resenha de um filme que é bom pra caralho? Num sei fazer isso não...
Bom, vamos lá...

Tem o Miyazaki. Ele é fodão e só fez coisa fodona (como diria o PH deve ser uma merda ser foda, pois cada coisa que vc faz tem que ser ainda mais foda que a anterior). Ai tem "Alice no país das maravilhas", que é muito foda e inspira muita gente a fazer coisas boas (e outras deploráveis, mas podemos viver com isso). Ai tem as drogas, mas não preciso falar delas.

Mas pra mim é isso, sem medo de ser feliz afirmo.

Sipirited Away é o Alice no país das maravilhas da minha geração.

É imbatível, dentro do esteriótipo "menina tenta retomar sua vida normal e para isso tem que passar por perrengues muito loucos" não tem outro.
O filme é bem. Bem feito, bem escrito, sensível, engraçado, magicamente despretencioso e leve muito embora seja uma grande e responsável produção. É tudo de bom. Ainda bem que vai passar em circuito aqui no Brasil.

Eu tenho que lembrar ao meu irmão para ele atochar Spirited Away na mente do bolha do trabalho dele que pensa que só a Disney faz animação família que presta.
Vou parar por aqui pq eu não tenho mas nada a declarar...

No blog do Tiago e do Ronaldo vão ter resenhas tb e provavelmente na contracampo também. Essa galera tava toda lá...