31 de mai de 2002

Copa?

Já repararam que, fora uma ou outra bandeirinha frouxa, o Brasil realmente não está empolgado com a Copa do Mundo? Diferente do que a Eles (adoro escrever esse Eles com e maiúsculo misterioso e pagar de paranóico) querem que acreditemos?

Fora isso tem o Lula está despontando nas pesquisas. Será que tem relação? Quando a seleção brasileira vai bem vota-se na direita, quando vai mal na esquerda? Não sei, mas sei que primeira vitória da copa foi do Senegal em cima da França. Torço para times africanos. Eles votam em quem?

Dá pra notar que o Brasil está realmente mal no futebol pois a maioria das notícias sobre a Copa não falam do esporte, mas sim de comportamento. O "Felipão está gordo" e esse tipo de coisa.

Você conhecia o mário?

Mário Lago morreu. Se eu chegar aos 90 anos lúcido como ele vou ficar muito feliz.

Bode

Estou de bode.

Me sentindo sozinho, largado, solto.
Alguns podem até se sentir bem com isso, mas eu não. Não curto grude, mas sinto falta de carinho. Deus como eu sou bicha.

Fora isso tem a grana. Recebi hoje e sei que na próxima semana já estarei completamente duro, indigente. Minha família está na merda, muito na merda mesmo. Eu, no mesmo barco, afundo junto.

Eu tenho que parar de sonhar, parar de idealizar, parar de fumar. Três vícios que me destroem dia após dia. Pequenos paliativos cotidianos que só servem pra tapar com fita frágil e grande merda em que eu vivo.

Sei que minha vida não é nada disso, mas por que é tão difícil me convencer de certas coisas? Ou ainda, sonhar com outras coisas? Jesus, como eu odeio essas minhas tristezas fora de época e propósito.

Que falta que me faz carinho.

29 de mai de 2002

stan lee geriátrico

Toda vez que eu vou comentar algo sobre quadrinho eu fico reticente.
Basicamente pq eu não sei se eu to ficando velho, se a industria caiu ou o que for. O fato é que há anos o quadrinho four color é um pouco menos do que lixo pra mim. Acho que eu simplesmente não sou mais público. Quem lia quadrinho nos anos 70 deve ter achado os anos 80 um crime, ou coisa parecida. Anos 80 é justamente a minha geração de quadrinhos, galera pré Image.

Ai vem o Stan Lee, um cara que eu acho genial junto com o Jack Kirby, e "reinventa" os heróis da DC.
Esperei pra ler tudo cuidadosamente antes de comentar no blog.
Só tem lixo na parada. O Character Design de todo mundo ta ruim (o do batman então putaqueopariu) e as histórias são pooooooodres. Eu já achava que o tio Lee tava de bola murcha depois das animações em flash dele (7th portal e por ai vai, que são meia bomba que toda vida), agora então eu tenho certeza que ta na hora dele pegar a calça plástica dele, pedir pra cagar, cagar e ir embora.

Chato isso, eu gosto do cara, mas na boa, ele perdeu a mão completamente. Ele tenta fazer algo no estilo atual e se fode, num é a dele. Ou ele volta a escrever como nos anos 60 e 70, ou se assume de vez no estilão atual (que eu acharia uma pena) ou vai administrar as bagaças e fazer consultoria nos filmes da Marvel.

Pô tio Lee! Não faça isso com vc mesmo ...
E o legado?

28 de mai de 2002

Alicates Artificiais

Eu estou cada vez pior. Ontem voltando para casa tinha um camelô com um cartaz feito a pé escrito: "Alicates Mundial" e eu consegui ler "Inteligência Artificial".
Bom mesmo é que nos milisegundos da minha cabeça se virando para ler direito o cartaz pensei:

"Como é, já tão vendendo disso? Mas ainda não terminaram de desenvolver. Será que é lógica fugi? Será que é só o DVD do filme? Será que é o VHS do filme? Putz, eu gosto desse filme, já até tenho o DVD, presente pra carol, que saudade de carol, amanhã vou ver a carol. Até que seria bom se vendessem inteligência artificial em camelô, tem muita inteligência natural precisando ser trocada por ai. Eu compraria umas duas pelo menos... Ah ta... É alicate mundial... amanhã vou por isso no blog"

e por ai foi.

27 de mai de 2002

5° série

Vcs conhecem minha teoria de que o homem nunca passa da quinta série. Aquelas brincadeira do tipo: falar algo inteligível, vítima pergunta "hein?" e então fazer "bblllrrrrrr" insinuando com as mãos o movimento do coito, são eternamente divertidas em determinadas situações.

Ai tem o Eric (blogless pq é computerless). O Eric é alguma espécie de gênio incompreendido. A vida do cara é pensar coisas sem sentido e em bricadeiras insanas. Ele fazendo desenho animado junto com o Fábio é algo impagável.
Ok, ele criou uma nova.

Tudo baseado na idéia de que se Cock e Dick são "piru" em inglês logo tomar uma "Cockada" e/ou uma "Dickada" é tomar "piru", como em porrada por exemplo.

Dai já vem ele perguntando: "tu gosta de cockada?"

Ou a mais complexa: "Tu vai na loja pra comprar camisa, vc leva todas de uma cor ou vc leva uma Dickada?"

Eu sei, eu sei ...
É estúpido, é pueril, é ignóbel e é tudo mais que vcs possam concluir.
Mas vcs me conhecem, eu vejo algo de genial nesse tipo de coisa.
tsk, tsk, tsk ...

ivete

Na boa, eu realmente acho essa música da Ivete Sangalo que ta rolando nas rádios agora bascaninha.
Não preciso dizer que não faz absolutamente meu estilo e que nem tão pouco me levaria a comprar um cd, mas ela é bem acima da média desse nicho.
Sem falar que tem um swingzinho legal e eu adoro essas coizinhas gathering of tribes

Todos comigo agora:

"E vai rolar a festa! Vai rolar
O povo do gueto mandou avisar!"

Putz, eu preciso parar de ouvir rádio com a minha mãe de manhã.



Reparem no "precisão matemática" e na miscelânea de tecnicas usadas por apenas R$3,oo.
Genial.

24 de mai de 2002

minha linda

Carolzinha fofa esteve aqui e postou um monte de comentários no meu brogue : )
Como isso me faz feliz...


Hype

Com uma nova idéia para um grupo de super heróis...
Imaginem agora...

Uma cidade, surgem 5 super heróis ao mesmo tempo e sem relação um com outro. Só tem um problema, todos eles usam o mesmo nome: Hype. Óbvio que eles usam esse nome por razões completamente diferentes.
Eles absolutamente não fazem idéia da existência um do outro até que começa a maior confusão na mídia. Como é difícil fotografar decentemente uma cena de combate entre os heróis e os vilões, fica tudo muito confuso. A TV e os jornais não sabem a quem dar o crédito pelos feitos. Afinal, qual dos Hypes salvou o ônibus escolar de cair da ribanceira?
Então começa a confusão entre os 5 heróis, que são levados a ter que falar uns com os outros para resolver esse dilema. Começa o quebra pau. Óbvio que todos acham que o nome Hype pertence mais a si do que aos outros. Começa então a haver brigas entre os 5 combatentes do crime pela posse do nome Hype.
No auge da pancadaria eles são surpreendidos por um Helicóptero da maior empresa de telecomunicações da cidade, um envelope pardo é jogado do helicóptero e cai próximo a eles, uma notícia é dita por um megafone:
"O nome "Hype" não pertence a nenhum de vocês, pertence na verdade a NBT! Nós o registramos hoje de manhã, de forma que nenhum de vcs pode mais usar esse nome sem pagar Royalts à nossa empresa. A única maneira de vcs continuarem a usar seus nomes é se, a partir de agora, vocês trabalharem para nós! Vcs serão filmados 24 horas por dia e nós faremos o primeiro Reality Show de super heróis! O nome será Hypes!"

Óbvio que haverá briga, discussão, recusas e aceitações, mas nada é decidido de primeira. Alguns tentam arrumar novos nomes mas sem o mesmo sucesso do antigo. Até que depois de algumas tentativas frustradas eles resolvem topar o convite da NBT...

Assim surge Hypes. Com todo o tipo de piada possível sobre o fato deles terem o mesmo nome e de serem monitorados 24 h.
Eu queria o Keith Giffen escrevendo isso.
É meio que uma paródia a falta de identidade do mundo moderno.

Seguem 4 dos 5 heróis que eu já consegui bolar:

Hype - Angus McHype, decentende de uma linhagem de Cavaleiros Sagrados que combatem o mal. Faz o tipo norte europeu, escocês. Seu poder é invocar uma espada de energia toda vez que conclama sua herança de sangue. Se ele parar de usar o nome hype ele perde os poderes.

Hype - Hype, o cara grande e forte, muito forte mesmo. É uma besta, cresceu num orfanato e mesmo tendo um nome criado pela agência de adoção todos o chamam de Hype desde que ele é criança devido ao seu tamanho monstruoso. Não pode deixar de usar o nome hype pq se não nunca mais ninguém vai conseguir se comunicar com ele. Ele nunca atenderá por outro nome.

Hype - Jenny K, cluber, paranóica, tatuada e cheia piercings. Voa e solta raios coloridos. Pode regular a força cinética de seus raios podendo fazer um grande estrago com eles. Jenny é dona de um clube techno underground chamado Hype tb. Conseguiu criar uma fórmula extremamente lucrativa de fazer festas uma vez que ela economiza muito fazendo ela mesma os efeitos de luz da pista. Não muda o nome pois para isso ia ter que mudar tb o nome clube e ela teme perder público cativo com isso, teme tb as bad vibes que isso traria.

Hype - Guz, negão, voodoo. Hype é o seu nome de batismo dentro da tradição Voodoo, foi escrito em sangue eterno em seu peito pelo próprio Samedi. Sabe que trocar o nome ofende a honra de Samedi e isso garantiria sua passagem sem volta para o inferno das almas. Seus poderes são ligados a magia voodoo.

Sugestões serão bem vindas : )
Sintam-se a vontade para brincar : )



reta final

Aqui na voxcards tamu terminando de montar o projeto secreto (que nem sei se é secreto, mas na dúvida naum abro o bico)...
Ai, eu sei é que ta ficando muito foda. Eu não curto muito esses siteas para as massas não, e tem algumas coisas nele em que eu discordo, mas os features do projetin tão bem empolgantes, na boa, voxcards vai ser melhor que os sites internacionais de cartão ...

Se der dinheiro, show de bola, se não, já tenho orgulho ...

Por essas e outras to meio pegadin aqui na vox ...
Já perdi até um freela com isso : P



23 de mai de 2002

Olha eu ai

Para aqueles que estão cansados de me ver e para os curiosos...



Eu sei que com isso eu com certeza vou perder todas as minhas poucas admiradoras, mas a verdade tem que ser dita. Não ia colar se eu postasse a foto do Keanu Rivers.
Reparem nas minas olheiras depois de sair ontem e ter que estar as 8 no escritório do Cristiano.

Ah? O pq da foto? A Rose (que comanda lá as paradas) faz isso pra se lembrar quem é quem, igual em amnésia.
John G. que se cuide.


mobral

Eu detesto encontrar erro de portugays no meu brogue.
Achei agora um "sentença" com "s" ao invez "ç"...
Foda, mó galera de letras frequenta esse brogue aqui, mó queimação ...

Schroder na bunker



Ontem foi aniversário do brother Schroder (que por uma letra não é homônimo do personagem do Schulz) na bunker.
Tudibom. Foda que o som dele tava estourando nos agudos (eu acho) e tava machucando ouvido legal, ainda assim rolou uns crássicos do EBM-Eletro-Gótico-Ninja-do-espaço-sideral que animaram bem. Assim que ele liberar o set list na rio-goth vou clonar umas paradas.
Infelizmente não consegui falar com ele, pois sai cedo e ele ficou no som o tempo todo (mesmo qd não tava tocando). Mas fica aqui a felicitação. Ai brother, tudo de bom pra vc.
Adicional ao MP (eu sei que é o contrário mas esse é o meu peso medida) tava rolando o Lucio K, competente como sempre mandando D&B bonzão. Na boa, não sou fã de D&B não, mas sou fã do lúcio que é brother toda a vida e, no fundo no fundo, D&B é bonzão pra dançar, da pra usar todos os apendices do corpo.
Outro adicional foi uma patricinha que tava tocando na pista 1. Fiquei de bobeira com as músicas que ela tava mandando enquanto a pista não lotava. Só ódio! Umas pancadarias urgentes, tudo grave. Ai é foda, chegou uns playba com um ibook lá, a pista lotou de comuns e começou a rolar uns trances malditos, coloridos e fluor.
Puta, como eu odeio trance, podia ter ficado na pancadaria a noite toda.
Na boa que eu começo a achar que quarta é um dos melhores dias para ir a bunker. Até pq não lota : )

E foi isso...
É muito bom voltar a sair a noite, eu tava precisando : )
Pena que hj, minutos antes d´eu ir embora da casa da carol a gente teve um pequeno atrito... Parece que eu sempre cago as paradas na saida ...
Foda ...

22 de mai de 2002

Decidido e Acertado

Quem me conhece a mais tempo sabe o qt eu sofro por não ter feito ainda uma tatuagem ...
É algo que eu realmente gosto muito e por uma série de fatores até hoje não tenho uma. Afim de mudar isso e com o telefone de um brother de minha confiança que eu sei que manda bem pra caralho (só vou dar um pulo lá antes pra conferir o equipa), mês que vem vou mandar a primeira...

Como a tatuagem pilar que eu bolei há anos ainda tem algumas arestas para serem acertadas, vou começar por algo menos decisivo (a que vai entrar no braço direito). Segue um rascunho tosqueira que eu fiz no flash, to preparando uma arte final pra ficar mais hand made que é parte do conceito da parada. Não se desesperem, não é o produto final.



Pra quem não pescou a referência essas figurinhas são calacas uma ícone mexicana para o Dia dos Mortos. Acho esse visual (um lance meio rock a billy meio concrete blonde) du caralho, e tem bastante a ver comigo pq eu tenho uma cara inegável de latino.
Reparem que a calaca do meio esta sorrindo e com os olhos em espiral. A graça é que vai entrar uma bandeira em baixo com a frase "Louco mesmo morto", só que em espanhol. Como não sei falar espanhol fui buscar consultorias para isso. Valeu Joruge, valeu André (dalb), valeu Kevin (dalb) valeu roberto (um mexicano que eu fiz contato só para isso) e mais uma pá de gente que me ajudou a formar a sentença correta.
com vcs...

loco aunque muerto

Eu achei lindo, vai dar um clima legal junto com as calacas ...
Mal posso esperar.
Podeixar que vai rolar foto da tatuagem aqui no blog.

Outra do vizinho de cima

Ontem estava eu lá na UERJ na adorável compania do pessoal de lá, quando ouvi uma novidade sobre o povo americano.
Todas as palavras referentes a profissões que terminavam com Man (trashman, fireman e por ai vai) agora são consideradas politicamente incorretas. Agora vc tem que se referir ao gari como Trash Person (ou garbage person) ou coisa que o equivalha.

Eu poderia dizer "ê povinho bunda", mas esse slogan eu guardo pro Brasil, pra eles vai um "ê povinho bobo"... Eles e suas soluções paliativas contra sexismos.
Isso me lembra aquele quadro do antigo programa do Jô Soares (no tempo em que ele fazia algo parecido com humor) em que uma comediante da época (ótima por sinal, mas não me recordo seu nome) era garçonete mas se recusava a aceitar esse termo, se afirmava como "garçon mulher" ...

Pobre do povo que não flexiona o gênero.

Vindo da Rafinha ontem

"Sade tem umas paradas muito Tom e Jerry"

wellcome to the goiabada side of the force ...

21 de mai de 2002

atenção bloggers

Já reparei que o blog de mó galera (que usa os serviços do blogger) ta dando page not found!
Não sei pq isso ta acontecendo, mas estava acontecendo no meu tb!
Resolveu qd eu postei a mensagem abaixo, parece que ao postar o endreço se reativa.
Façam isso para ver se roal tb, derrepente é alguma medida do blogger para limpar os blogs mortos. De qq forma ainda não sei pq está acontecendo isso, mas eu sei resolver o problema : )

Don´t be a dead one!!!!!



O que está acontecendo aqui?

Deu uma doideira no blog hj que ele ficou fora do ar ...
Que do nada ai! E os meus leitores? Como ficam?????
Por favor! Voltem, eu estou aqui!!!!

20 de mai de 2002

Inspirado por essa onda de fotomontagens do bozo e do seu madruga que eu tenho visto por ai, somada a uma aleatoriedade que eu falei no blog do Rafael, não pude resistir em criar a campanha:



Agora é com vcs...
May the goiabada be with you!

só para esclarecer

Homem aranha aparece como filme e desenho da vez pq pra mim o filme é os dois.

19 de mai de 2002

um bom vampiro

Quem me conhece sabe que eu acho 99% do material sobre vampirismo um lixo sem tamanho. Nesse bolo ta a anne rice, vampiro a máscara e maioria das coisas que vc imaginar. Pra mim só salva o livro do Stocker (e o ótimo filme do coppola) para representar os vampiros clássicos e Fome de Viver para representar os vampiros modernosos (se ouvir bauhaus for moderno, claro).
Hoje assisti o filme/documentário o Vlad - Principe das trevas e fiquei positivamente impressionado. Não é um filme de vampiros propriamente falando (a não ser nos minutos finais), mas a pesquisa histórica ta boa (bateu com coisas que eu já tinha estudado e acrescentou algumas novas), as atuações ok e o figurino fodão.
Recomendo. Entrou no 1%.



Sade é uma merda

A Carol tava lendo o tal do 120 dias de Sodoma do Sade.
Eu já li algumas coisas do Sade e sempre achei meia bomba. Tipo, é mal escrito e acho o tema meio que desnecessário. Ele é tipo um Nelson Rodrigues da época dele, só que cá entre nós o nosso Nelson escreve muuuuuuuito melhor.
Eu tava na fila de espera pra ler depois da Carol, quando ela veio com a notícia de que havia passado mal lendo o livro. Vomitou e o escambau. Nessa ela disse tb que gostaria que eu não lesse tal livro profano e que aliás ela gostaria que ninguém no mundo nunca tivesse lido aquilo.
óbvio que escroto como só eu, insiti em ler a bagaça. Como já sei que as primeiras partes do livro são basicamente gente comendo merda pedi pra que ela me apontasse direto no ponto onde o caldo realmente engrossasse. Lá fui eu então ler as "paixões assassinas", sob o olhar tenso da Carol.
A cara dela foi tudo qd eu soltei a primeira gargalhada.
Na boa, a parada é tão mal escrita que não envolveu a mim o suficiente pra me chocar, pelo contrário, as paradas acontecem tão do nada que pra mim o Sade foi o primeiro Monty Piton da história.
A primeira gargalhada foi qd um cara lá gosava (descarregava) vendo uma puta sendo arremeçada por uma catapulta. Óbvio que nesse momento se criou a cataputa.
A segunda foi do cara que amarrava a puta no para raio e ficava esperando cair um raio em cima dela.
Na boa, Sade pra mim virou humor ...
To terminado de ler ainda a parte das paixões e isso ta me animando pra ler o resto todo. Vai que tem outra pérola como a da cataputa?



17 de mai de 2002

o blogger ta esquisito hj ...

Hj to meio de bola murcha ...
Sei lá, me sentindo pouco ...

Soma-se os tropeços da vida com um dia mais friozinho e pronto, aqui estou eu me achando a terceira pessoa depois de ninguém ...
Sei lá, saudades da Carol eu acho. Ela me faz feliz ...

Por esses dias eu cheguei a conclusão de que nunca me daria bem com putas. Muito embora eu as admire e as adore sei que nunca seria feliz indo com uma.
A puta te aceita, ela não te quer... Tem uma diferença enorme ...

Ok, as vezes vc só quer ser aceito, mas eu só quero ser querido. Eu só quero ouvir uma ou outra coisa boa sobre mim de vez em quando... É pedir muito? Sei lá...
Acho que não... Não sei ...
Em fim ...

Falta de autoestima é muito comum na adolescência ...
Mas depois que ela vai embora o baixo astral volta vez ou outra só para dizer: "Oi! E ai seu merda? Continua um zero a esquerda? Maneiro!" ...
Graças aos céus esses meus momentos são poucos e passam rápido. Se não eu ia acabar sendo um Indie nojento que não lava o cabelo e fica ouvindo Smashing Pumpkings e Belle & Sebastian ...

Nessas horas eu faço mão de tudo que eu já li sobre doutrina do Self e, te garanto, que ajuda muito. Satanismo é a autoajuda definitiva, Lair Ribeiro é o caralho ...
Ainda assim ...
Aqui estou eu ...

Momento Smiths ...
"I´m a human and i need to be loved.
Just like everybody else does.

o aranha humana

Putz, o filme é fodão...
Num vou ficar me extendendo muito não.
Pra mim se fechar o homem aranha daquele jeito que ta no filme pra mim tá ótimo. Tem tudo de bom do original só que sem as coisas ruins do original. O filme não se leva a sério, e vcs sabem o qt eu gosto disso.
Os efeitos tão foda (recriação de realidade e personagem digital muito melhor que final fantasy), rola uns cgs meio feios ainda, mas é rápido e funciona super bem. As cenas de ação são vertiginosas sem enjoar como os travellings de SdA.
As interpretações estão boas. A Mary Jane é um mulherão. Willian Dafoe ta Dafoeda. O Tobey parece que nasceu para o papel.
Sam Raimi é o cara certo no filme certo, tudo é muito caprichado e tem uma cena que não tinha como ser de outro diretor que não ele (quem é fã de Evil Dead vai saber do que eu to falando). Em fim, vale a pena pra caralho. Pra mim superou Rocketeer como melhor adaptação de quadrinhos. Se o filme do Demoilidor for metade do homem aranha já vou ficar satisfeito.
Se eles mantiverem a mão nas sequências temos ai o Aranha definitivo do cinema.
E vão tomar no cu os saudosistas que ficarem reclamando das variações pro original. Tem coisas no original que são escrotas e elas foram limadas sem piedade pelo bem de um herói que funcionou bem nas telas.
O filme tem umas cenas de americanismo que ficam até deslocadas, mas não chega a irritar, o Sam Raimi dosou bem a coisa.
Pra vc ter a idéia até o Duende-Verde-Power-Ranger-Untron funcionou bem no filme.
Qt a viadagem do final ...
Ok, eles tão guardando o romance definitivo para as continuações... Justo até ...

Viadagem mesmo é o Teaser do hulk que rola no começo. "Tem uma coisa imensa fundo dentro de mim" é uma frase impossível de se ouvir sem gargalhar.

16 de mai de 2002

quem ri por último ri melhor

"Deus está morto."
Nietzsche

"Nietzsche está morto."
Deus

ok, blur é foda.
Gosto bastante desses caras. São pra mim a melhor banda de british pop disparado na minha opnião. Praticamente odeio todos os clones insossos deles, encabeçando a lista a merda do oasis. "There´s not another way" e "song 2" foram relativamente idonográfica para mim, mas nada de mais. Mas hj percebi que a música que define o momento atual da minha vida é deles...

todos comigo!

"Girls who are boys
Who like boys to be girls
Who do boys like they're girls
Who do girls like they're boys
Always should be someone you really love"

e é isso, o mundo é maneiro pra caralho!!
Amor pra tudo qt é lado...

Putz, eu to romântico hj ai...
Maneiro...

infame

Sabe como é uma prova de salto triplo?

É assim ó:
Pega-se alguma coisa que pertença ao atleta.
Ai se esconde essa coisa.
Ai o atleta faz promessa pra são longuinho: seu longuinho, seu longuinho, se eu achar X (onde X é o objeto escondido) dou três pulinhos.
Ai entrega-se a coisa pro aleta.
o atleta paga a promessa.
Os jurados dão as notas.
Fim.

por favor não me batam.

dia atípico e dvd fever

Ontem eu fui na casa da carol pra fazer uma estensào por telefone. Usei uma estratégia errado e não deu certo.
Hj pela manha resolvi o caso. Como eu cheguei no trabalho só a tarde na segunda feira por causa do said fiquei sem graça de novamente fazer isso. Ai resolvi tirar o dia de folga (romulo billy day off), começou a tocar aquela música do yellow (uh ow ow) e la fui eu.
Primeiro eu e carol na uruguaina. Ela trocou o dvd de The Wall que ela tinha comprado por um area 1 pelo de final fantasy (nós odiamos esse filme, mas tem uns extras importanters de serem vistos), em tempo, ela já tinha comprado "Alien" ontem. Compramos um xadrez miniatura pra Robs e uns chaveiros muito fofos de uns bichinhos que cospem geleca pelos olhos (very creep). Dai passei o resto do dia lá no dalb batendo papo com as amigas da carol. Todas lindas, poderosas e mudernas ...
Dia ótimo, como há muito não tenho, relaxante, divertido, só boas companias ...
Em fim, que falta eu sinto de ficar a tôa ...
Amanha lá estou eu com minha lista de pendências ...
*suspiro*

a vida continua, mas meu dinheiro não muito : )

14 de mai de 2002

Há anos já que eu convido a Carol para almoçar comigo e ela nunca vem. Hj finalmente meu amorzinho veio almoçar comigo : )
O problema é que qd fomos na saraiva mega store (que fica em frente ao meu trabalho) ela ficou olhando com aqueles olhinhos lindos para o DVD de Inteligência Artificial (adoramos esse filme, podem nos bater), ai eu não aguentei, comprei de presente pra ela (e meu bolsou sangrou até morrer).
Chato é que no finalzinho de um encontro agradável eu acabei falando uma frase mal montada (o assunto inclusive era presentes) e carolzinha ficou triste comigo...

Desculpa mô, sabe que eu te amo e que te adoro te dar presente, num te dei hj um de coração????
Sei que a frase ficou mal colocada. Para provar vou te cobrir de presentes (até parece que eu to podendo, mas criatividade serve para isso), prepare-se : )))



Que animal de estimação você é?

13 de mai de 2002

tem um cão em minha casa

É, isso mesmo. Agora eu e meu irmão não somos os únicos animais lá em casa. Dei um poodle toy de presente para minha mãe. Assustador, nunca tivemos animal de estimação, muda toda a rotina da casa. Mas minha mãe está feliz e isso que é importante.
Minha mãe, claro, como toda boa perua suburbana o batizou de Said...
Sem comentários ...

Em fim, ele é uma gracinha.

filmes do fim de semana (perceberam que o fim de semana não foi ruim?)

como água para chocolate - Eu conhecia esse filme, mas nunca o havia visto por pura falta de interesse. Carol o pegou e insistiu que eu ia gostar... Desculpa docinho... O filme funciona, mas é mal dirigido e a história é como água para açucar. Até divertiria se não fosse tão comprido. As pequenas alquimias do filme são boas... Mas faltou tempeiro. Aconselho assistir esse filme com uma cebola na cabeça. Pq? Ah! Pq é divertido.

gigante de ferro - Passou na hbo e, é claro, eu parei pra ver de novo. Esse é um daqueles filmes que eu não consigo ver e não chorar. Eu tenho algo com esse esteriótipo de personagem sensivel, estranho, poderoso e incompreendido (pretensão minha ou não eu me identifico), tipo o Edward Mãos de Tesoura (um dos filmes da minha vida, tenho até um bunequinho : )) e o crássico corcunda de notredame (que eu tenho váaaaarios bunequinhos). Pois é, o gigante de ferro é um ótimo desse estilo, lindo, tecnicamente perfeito, um primor. Se eu continuar falando vai ser só para babar o ovo, então eu vou poupar vcs.
Sim Dilson, eu já vi o gigante de ferro (inner joke).

o estranho mundo de Jack - Passou na hbo e, é claro, parei pra ver de novo. Vale o mesmo dos comentários acima. Ninguém entende o Jack (desse eu infelizmente ainda não tenho buneco). Adiciona o Tim Burton e o Dany Elfman e pronto, ta ai o melhor stop and motion que eu já vi na vida (fuga das galinhas é o meu ovo).

era do gelo - Eu tava devendo ver esse. Confesso que eu implico um pouco com o Character Design. Não gosto do Mamute de topete, não gosto do tigre quechudo. Ainda assim é foda, 3d maduro, bem resolvido, bem dirigido (tanto a arte quanto o timing), funciona muito bem. Passa aquela mensagem básica, nós humanos seríamos melhores se não fossemos humanos, até ai na contra, apoiado. A história é uma versão menos aguada de "em busca do vale encantado", até ai nada contra, esse esteriótipo de história é um clássico desde a Odisséia. O filme só não é tão engraçado assim, quer dizer, até é, mas a principal piada (o bichinho alucinado da boiota) já era conhecida do povo da internet, fora isso só o disco voador e o muleque fazendo reverência trekker me fez rir de verdade, de resto nem tanto. Dá um desconto, eu estava de mal humor.
Gostei do Sid, mas só pq ele é um muppet. Ele se move como um muppet, fala como um muppet e o pessoal colocou ele em cenas referênciais. Tipo a hora em que ele aparece em plano fechado correndo dos rinocerôntes que estão em terceiro plano, clássico take do caco nos "muppets invadem nova yorque".
Gostei, aliás adorei, os humanos. Pisou legal na merda dos humanos escrotos do Bucet, ou melhor do Shrek. Aliás, os humanos de ice age foram todos tirados do quadro "café" do nosso grande amigo Portinari, olha só:



Diz que num é?
Eu sei, eu sei... Ainda não fui ver cidade dos sonhos... Droga ...
Mas comprei um antecipado para ver o homem aranha na quinta : )

10 de mai de 2002

Filosofrutas

Finalmente essa novela chega ao fim.
Para todos ai as Filosofrutas. em breve vou por o site no ar (qd estiver pronto lógico). Por hora eu as escrevi na animamundi web e acho que vou escrever no pontofla tb. Vamos ver até onde vai. Comentem ai, feedback please!







e vocês achavam que nunca iam ver isso né?
olha as filosofrutas ai!

9 de mai de 2002

Limpar alguma coisa é como fazer uma pintura ao contrário. Você retira as camadas de diversidade que a natureza cuidou de por ali pacientemente até que tudo volte a ficar uniforme e branco.
Visto assim limpesa parece algo terrível.

o rio de janeiro só tem 50 pessoas

Tem a Roberta. Ela além de ser um doce de pessoa é amiga da Carol. Elas descobriram que a Roberta é prima de um ex-namorado da Carol (desses que merecem relevância, o Hugo, eles quase casaram e tudo). Eu descobri que ela trabalha com o Joruge, lá na Cultura Inglesa. E assim as tramas vão se revelando.

Há alguns anos eu já havia percebido que tudo é uma grande novela da Globo, onde vc percebe direitinho quem existe e quem é figurante. Eu tb achava que o personagem principal era o Nicholas, pq ele conhecia todo mundo e todo mundo conhecia ele, era meio que um Nexo ta ligado? Tipo um Lucas da vida. Mas ai ele ficou uns tempos foras e eu conheci outros personagens que não o conheciam. Agora estou na busca pelo personagem principal dessa novela... Quem se candidata?

I Am A: Chaotic Good Human Ranger Fighter


Alignment:
Chaotic Good characters are independent types with a strong belief in the value of goodness. They have little use for governments and other forces of order, and will generally do their own things, without heed to such groups.


Race:
Humans are the 'average' race. They have the shortest life spans, and because of this, they tend to avoid the racial prejudices that other races are known for. They are also very curious and tend to live 'for the moment'.


Primary Class:
Rangers are the defenders of nature and the elements. They are in tune with the Earth, and work to keep it safe and healthy.


Secondary Class:
Fighters are the warriors. They use weapons to accomplish their goals. This isn't to say that they aren't intelligent, but that they do, in fact, believe that violence is frequently the answer.


Deity:
Shaundakul is the Chaotic Good god of travel and exploration. He is also known as the Rider of the Winds. His followers are typically rangers, and work to protect the land. They typically wear leather armor, and carry long swords and short bows. Shaundakul's symbol is a white hand with the index finger raised.


Find out What D&D Character Are You?, courtesy ofNeppyMan (e-mail)




Teste simplinho mas essencial pra galera do Nerd Power. Juro que tentei roubar para ser bardo, mas alguns instintos falaram mais alto.
Botando as cartas na mesa

Na verdade essa campanha de 3 dias pelos 100 comentários era um tipo de quarentena para limpar toda a influência do Edma em meu blog.
Uma vez que ele está devidamente higienizado podemos voltar as nossas atividades.

Em primeiro lugar que fique provado que blogs com muitos comentários são potencialmente uma farsa, fiquem atentos para isso.
É muito fácil criar personagens de comentário para inflar o próprio Ego.

Outra, fica a piada de que este é um blog cem comentários. Desculpem, eu não podia perder essa.
Agradeço a todos que participaram da campanha 100 comentários, querendo fazer o estranho experimento em seus blogs contem comigo.

De volta a ativa.

7 de mai de 2002

Não se preocupem, o Edma apareceu por aqui mas espero que não se repita.
Blog pra mim sempre foi um exercício de jardinagem. Vc planta, vê crescendo e as pessoas vem admirar seu jardim e dizer como são belas as suas orquídeas.
Para remover essa erva daninha já contratei os serviços de Verdugo Canallicus, nosso nobre amigo do mude edma.



Em tempo, esse post tb vai servir para mostrar como blog muito comentado não quer dizer nada.

6 de mai de 2002

filmes que bem que tentatam mas não conseguiram tornar meu fim de semana suportável

É, é isso. Final de semana de merda pra caralho. Em fim.

vi ana e o rei de novo, pra conferir que esse filme é:
1 - Infinitamente melhor que a chatésima 1° versão.
2 - Merecia o oscar de figurino ao invez de topsy turvy
3 - eu realmente acho o chon yun-fat um bom ator.

Ah, tb vi o rei escorpião.
O filme é sincero, gosto disso, não quer te enganar nenhum momento e nunca se leva a sério. Com certeza o Conan dessa geração, ou do Sec. XXI, como vc preferir. Trilha sonora heavy metal e algumas partes de de mijar de rir. Detalhe pra sonoplastia do filme que é pra lá de exagerada.

e foi isso.


3 de mai de 2002

Hoje não haverão atualizações muito frequentes, ta sendo uma sexta feira super atropelada. Freela que atropela com trampo que atropela com compromissos bancários, foooda. Quem me conhece sabe lá que não sou nenhum posso de organização, infelizmente, adoraria sê-lo. Bem, pelo menos acordei me achando bonito, as vezes tenho esses momentos de Narciso.

2 de mai de 2002

Arte Malígna

Filmes da vez - Olhos Famintos / Topsy Turvy

Olhos Famintos
Esse filme tem a assinatura do Coppola, mas ele na verdade só apadrinhou o projeto. Sinceramente, eu gostei. O filme começa muito bem, tem o ritmo e a narrativa é a dos bons filmes de terror. A história é realmente boa, tem detalhes, nuances, faz você pensar em possibilidades. O monstrão é bem cool, a forma humana dele é maneira e ele usa um machado medieval que fica bem no contexto. O carro dele é tudo de bom! Eu quero ter um daqueles.

Fim da parte boa e inicial do filme. Depois de um tempo, você descobre que o character design do monstro podia ser melhor. A maquilagem e todo o restante estão super bem realizados, mas o desenho em si poderia ser mais original, até para combinar com a forma "humana" que ficou interessante. O filme termina te deixando meio bolado, sem saber se foi bom ou ruim. Na verdade, é por que eu sou meio tapado e só conclui algumas coisas depois.

Enfim, recomendo. Acho que esse Victor Salva pode fazer umas coisas bem boas daqui para frente e, de repente, ser algo na altura de um Sam Raimi da vida.

Ah! Toca Siouxsie & the Banshees no filme. Óbvio que já tem continuação em pré produção, estou confiando.

Topsy Turvy
Por que essa mania idiota de fazer filme com quase três horas? O Mike Leigh já não é grandes coisas e ainda se mete a besta. No fim, o filme é bom, os personagens são interessantes, o clima é cativante e a história que dá liga é gostosa. É tipo um "Assassinato em Gosford Chato", coisinhas paralelas acontecendo, periféricas à grande trama. Triste é aguentar duas horas e quarenta sobre óperas inglesas vitorianas. O figurino e a maquilagem que ganharam Oscar. Mas eu não achei para tanto. Só ganhou maquilagem por que ninguém fez nada interessante para competir e ganhou do figurino de Anna e o Rei não me pergunte como. Bom, Oscar num se leva a sério mesmo.

Nova América Outlet Shopping

Por favor, matem o Designer (ou estúdio) que refez a marca do Nova América Outlet Shopping para a sua expansão. Conseguiram fazer tudo de ruim numa única alteração: por um fundo irregular e degradé.

Se foi o cliente quem pediu, matem-no.